domingo, 18 de novembro de 2018

SPRINT RACE : DIEGO RAMOS VENCE AS DUAS EM CASCAVEL


 Sprint Race: corridas em Cascavel foram um verdadeiro espetáculo de velocidade.
                                                                         

Oitava e última etapa será em Interlagos no dia 15 de dezembro com pontuação em dobro.

Cascavel (PR) – Mais uma vez o trabalho do piloto com a realização da etapa (#SetupFree), onde ele próprio faz o setup do carro, foi determinante em uma prova do calendário da Sprint Race. Neste sábado (17), Diego Ramos desenhou uma estratégia específica para as duas corridas da sétima e penúltima etapa do campeonato que aconteceu no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel, no Oeste paranaense.
                                                                         
Com um carro muito bem acertado, Diego sobrou na pista e “turbinou” suas chances de título na categoria PRO, em sua primeira temporada completa na competição. A estratégia possibilitou a superação do então líder Rapha Campos e o segundo colocado Gerson Campos na tabela de classificação.
                            


Ramos largou da pole position nas duas provas impondo um ritmo muito forte, que não foi acompanhado por nenhum dos concorrentes na primeira corrida e na segunda teve uma disputa acirradíssima com Luiz Túrmina, principalmente nas últimas voltas quando foi ultrapassado e retomou a liderança na última volta.

“Foi sensacional! Deu tudo certo desde os classificatórios com duas poles, consegui manter um bom desempenho. Agora vamos para Interlagos para a etapa final buscar o título“, comentou o piloto que defende as cores da Shell, que soma agora seis vitórias no ano, que já havia vencido corridas nas demais etapas paranaenses de 2018, sendo uma em Curitiba, duas em Londrina e as duas em Cascavel.
                                                                        

Na categoria GP subiram no lugar mais alto do pódio dois vencedores diferentes: Vinicius Kwong na primeira corrida e Rodrigo Rocha na segunda bateria.  "Na primeira corrida saiu tudo perfeito! Larguei bem, fiz ótimas ultrapassagens e me acertei com o traçado, marcando a segunda melhor volta. Já na segunda prova não saiu como esperado, estava com um excelente ritmo e tinha um carro bem acertado, mas um incidente provocou a minha saída prematura da corrida", contou Vinicius Kwong #228, que conquistou o título do minitorneio da Final Cup.

O estreante Pedro Lopes (#18) teve uma grande evolução desde os treinos e garantiu dois terceiros lugares nos pódios da PRO. “Nos treinos utilizei para ganhar confiança com o carro. Nas corridas foram bem disputadas e fiz a melhor volta na última corrida, gostei demais. Os carros são muito legais e o ambiente do campeonato também, quem sabe no ano que vem estejamos compondo o grid”, destacou o piloto.

As exibições das corridas da Sprint Race Brasil acontecem ao longo da semana seguinte a cada etapa, dentro da programação dos canais BandSports e PlayTV, além da cobertura completa no Programa Acelerados - no SBT e no YouTube (youtube.com/acelerados), do programa National Sports Channel (canal 26 e 18, da Vivo/São Paulo) e no programa Auto + no Bandsports. A etapa de Cascavel teve transmissão pela Catve ao vivo.
                                                             

A Sprint Race Brasil é patrocinada pela Albriggs, aQuamec, Pirelli, Motul, Fremax e Vivamil.

Confira o resultado da sétima e penúltima etapa em Cascavel/PR

Corrida 1

1) 113 Diego Ramos (Shell), PRO, 25m26s487 a 17 voltas

2) 27 Luiz Gustavo Túrmina (Cimed), PRO, a 5s205

3) 18 Pedro Lopes (Sprint Race), PRO, a 5s513

4) 228 Vinicius Kwong (GK1), GP, a 5s874

5) 07 Kau Machado (Itaipu Binacional), PRO, a 6s749

6) 09 Cassio Cortes (Militec), GP, a 17s313

7) 82 Gerson Campos (Militec), PRO, a 23s675

8) 34 Rodrigo Elger (Vivamil), PRO, a 24s585

9) 44 Luiz Arruda (Avantgard), GP, a 25s306

10) 19 Luciano Zangirolami (Leo Madeiras/ Barga), GP,  a 36s080

11) 17 Nicolas Fliter (Mackenzie), PRO, a 38s265

12) 55 Caê Coelho (We Credit), GP, a 43s779

13) 99 Vinny Azevedo (iRapido), GP, a 1 volta

14) 77 Rodrigo Rocha (Riachuelo), GP, a 2 voltas

Não completaram 75% da prova:

15) 13 Rapha Campos (Prati), a 7 voltas

16) 08 Leonardo Gonçalves (Sprint Race), GP

Melhor volta: Diego Ramos #113, 1m13s758, com média 149,255km/h, 14ª volta


Corrida 2

1) 113 Diego Ramos (Shell), PRO, 25m20s410, a 18 voltas

2) 27 Luiz Gustavo Túrmina (Cimed), PRO, a 0s128

3) 18 Pedro Lopes (Sprint Race), PRO, a 2s537

4) 77 Rodrigo Rocha (Riachuelo), GP, a 2s846

5) 07 Kau Machado (Itaipu Binacional), PRO, a 3s019

6) 17 Christian Fliter (Mackenzie), PRO, a 8s343

7) 09 Cassio Cortes (Militec), GP, a 11s624

8) 82 Gerson Campos (Militec), PRO, a 12s932

9) 19 Rafael Seibel (Leo Madeiras/ Barga), GP, a 13s528

10) 55 Ricardo Haag (We Credit), GP, a 13s693

11) 44 Luiz Arruda (Avantgard), GP, a 16s360

12) 13 Rapha Campos (Prati), 1m00s050

13) 34 Rodrigo Elger (Vivamil), PRO, 1 volta

14) 228 Vinicius Kwong (GK1), GP, 4 voltas

Não completaram 75% da prova:

15) 99 Vinny Azevedo (iRapido), GP, 7 voltas

16) 8 Leonardo Gonçalves (Sprint Race), GP


Siga-nos também nas redes sociais:

Facebook: fb.com/SprintRaceBrasil

Twitter: @Sprint Race

Youtube: youtube.com/sprintracebrasil

Instagram: instagram.com/sprintracebrasil

Fotos: Luciano Santos/SigCom
F.SIG Comunicação

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

CLÁSSICOS E MODERNOS NO SALÃO 2018




Veja mais no link abaixo :https://bloggentefinaeojuarez.blogspot.com/p/dicas.html

COMUNICADO : CARLOS COL DE VOLTA A STOCK CAR


Vicar anuncia nova estrutura organizacional
                                                                        
A TIME FOR FUN (T4F) decidiu criar um Conselho Administrativo na Vicar Promoções Desportivas, empresa que promove e organiza a Stock Car, principal categoria do automobilismo brasileiro. E é com grande satisfação que anuncia a volta de Carlos Col.

Carlos Col, ex-piloto e empresário que criou a Vicar, ajudando a elevar o padrão de profissionalismo da categoria durante sua gestão iniciada em 1999, será o presidente deste novo Conselho.

“Fiquei honrado ao receber o convite para voltar a integrar o projeto Stock Car, que constituiu importante fase de minha vida. Sem dúvida, são novos tempos no automobilismo mundial, o que requer nova visão para o projeto”, comenta Carlos Col.

Reforçando a importância que a T4F dá para a área do esporte a motor, Fernando Alterio, presidente do grupo, também fará parte deste novo Conselho, que ainda vai contar com um outro integrante, a ser definido em breve.

“O Conselho terá como prioridade o planejamento estratégico da Vicar, priorizando a implantação do Projeto Stock Car Multimarcas, que demandará a incorporarão de avanços tecnológicos nos novos carros. Com essa nova estrutura, o diretor executivo da Vicar, Rodrigo Mathias, passa a se reportar ao Conselho”, afirma Fernando Alterio.

A categoria completará 40 anos em 2019, mantendo-se como a principal e mais longeva categoria do automobilismo brasileiro. Portanto nada mais oportuno do que prepará-la para uma nova era de grande sucesso no cenário automobilístico mundial.

 F. Vicar

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

MOTO: ERIC GRANADO E BICAMPEÃO PELO SBK EM LONDRINA

SBK ENCERRA 7ª ETAPA COM EMOÇÃO E TÍTULO DE ERIC GRANADO EM LONDRINA.
                                                                           
O SuperBike Brasil levou muita velocidade a Londrina (PR)! Neste domingo (11), pilotos e equipes aceleraram forte na disputa da 7ª etapa da temporada e garantiram o espetáculo no circuito paranaense. Com emoção em sete grids, o Autódromo Internacional Ayrton Senna foi palco de momentos decisivos do maior campeonato de motovelocidade das Américas.

O público que compareceu ao autódromo em um dia ensolarado esperava ver Eric Granado (#51) e companhia em ação. O piloto da Honda Racing Brasil cumpriu com as expectativas e mostrou todo o talento para vencer no grid principal e celebrar o bicampeonato da categoria SuperBike – ele também havia sido campeão em 2017.

Após superar Maximiliano Gerardo (#41), da Kawasaki Racing Team, e Danilo Lewis (#17), da Tecfil Havoline Racing Team, em 16 voltas, Granado foi protagonista da festa em Londrina.  A comemoração começou na pista, quando o piloto empinou a moto antes da bandeirada, passou pelos boxes, onde ele foi recebido com muitos aplausos pela equipe e torcedores, e se encerrou com o troféu no lugar mais alto do pódio.

A vitória coroou uma temporada de grande rendimento de Eric. Vencedor de sete das nove corridas no ano, o piloto da Honda Racing Brasil chegou aos 220 pontos na classificação e já não pode ser superado pelos adversários na oitava e última etapa da temporada 2018 do SBK Brasil, em Interlagos (SP), no dia 2 de dezembro.

Na disputa da SuperBike Extreme, Jeferson Friche (#6), da HG Motos Racing/Sky Comp, foi o grande vencedor. Ele acelerou forte e superou Mauriti Junior (#832), da Maxon Oil Racing Team. Completaram o pódio Diego Viveiros (#23), da Picoloko/PRT - Pitico Race Team, Davi Costa (#12), da JC Racing Team, e Julio Fortunato (#56), da Sport Plus Racing.

Mas a emoção não ficou apenas no grid principal. Na outra disputa entre motos 1000cc, os pilotos também aceleraram forte da primeira até a última volta.

Mesmo com o título antecipado da SuperBike Evolution já assegurado, Bruno Corano (#34) chegou a oitava vitória na temporada. O piloto da BMW Motorrad MotorSport mostrou bom desempenho para superar os rivais e cruzar em primeiro na categoria e na classificação geral.

No mesmo grid, Felipe Comerlatto (#186), da Pro Racing Team, levou a melhor e ficou com a vitória na SuperBike Evolution 1000cc, enquanto Marcio Bortolini (#37), da Tecfil Havoline Racing Team, alcançou mais um triunfo na temporada da SuperBike Light.

A corrida ainda contou com triunfos de Guilherme Neto (#66), da Pro Racing Team, na SuperBike Master, e Guto Figueiredo (#18), da PRT - Pitico Race Team, na SuperStock.

A disputa entre as motos 600cc reservou um dos momentos mais emocionantes da etapa. Coroado pela persistência até os instantes finais, Matheus Barbosa (#260) ficou com a vitória da SuperSport. O piloto da Motonil Motors superou Ton Kawakami (#127), da Yamaha Racing, na última volta e venceu a segunda corrida consecutiva na competição.

Na 959 Panigale Cup,  Rodrigo "Cabecinha" (#181), da Motonil Motors, não deu chances aos rivais e ficou com a vitória. Com o triunfo, ele deu um grande passo na briga direta com o companheiro de equipe Massao Nishimoto (#41) pelo título brasileiro da categoria.

A corrida na Copa Honda CBR 500R também garantiu emoção na reta decisiva. Em uma disputa acirrada até a volta final, Enzo Valentim (#59), da Colorado Doctor Racing Team, superou os rivais e ficou com o lugar mais alto do pódio nas categorias Pro e Teen.

Raphael Ramos (#90), da MotoSchool Racing Team, venceu na CBR 500R Light, enquanto Marcelo Moreno "MM" (#7), da Motonil Motors, alcançou o triunfo na Extreme. Na disputa feminina, Indiana Muñoz (#199), da Moretti Racing Team, sagrou-se vencedora.

Entre as motos 300cc, Gui Brito (#44), da PRT - Pitico Race Team, fechou com chave de ouro o fim de semana de bom rendimento e venceu na Yamalube R3 Cup. Pela Yamalube R3 Stock, Humberto Turquinho (#12) ficou com a vitória ao superar Kaywan Freire "Kaka Fumaça" (#36) na disputa.

Outro momento que tirou o fôlego dos espectadores foi no grid das jovens promessas da Honda Junior Cup. Caique Lanna (#91) conseguiu ultrapassar Theo Manna (#77) praticamente na linha de chegada e venceu por uma diferença de 0s025.

A disputa da categoria Escola encerrou as atividades em Londrina. Fabio Pitta (#126) alcançou mais uma vitória na SuperBike Escola, enquanto Marco Ferreira (#118), da MR Motobox, subiu ao lugar mais alto do pódio entre os pilotos da SuperSport Escola.

Agora, pilotos e equipes se preparam para o último ato nesta temporada do SuperBike Brasil. O maior campeonato de motovelocidade das Américas retorna no dia 2 de dezembro, no Autódromo de Interlagos (SP), com as corridas de encerramento de 2018.

Confira a classificação final em cada categoria:

SUPERBIKE
1) 51-Eric Granado
2) 41-Maximiliano Gerardo
3) 17-Danilo Lewis
4) 28-Pedro Sampaio
5) 43-Wesley Gutierrez

SUPERBIKE EXTREME
1) 6-Jeferson Friche
2) 832-Mauriti Junior
3) 23-Diego Viveiros
4) 12-Davi Costa
5) 56-Julio Fortunato

SUPERBIKE EVOLUTION
1) 34-Bruno Corano
2) 56-Juracy Rodrigues Black
3) 33-Juliano Ferrante

SUPERBIKE EVOLUTION 1000CC
1) 186-Felipe Comerlatto
2) 74-Sergio Prates

SUPERBIKE LIGHT
1) 37-Marcio Ferreira Bortolini
2) 93-André Veríssimo
3) 76-Cleber Pires
4) 126-Thiago Marchon
5) 17-Cleberson Maicher Alemão

SUPERBIKE MASTER
1) 66-Guilherme Neto
2) 45-Nelson Gonçalves "Mágico"
3) 211-Edison Simões
4) 199-Edu Aceto
5) 86-Edson Errera

SUPERSTOCK
1) 18-Guto Figueiredo
2) 6-Peterson Pet
3) 55-Rodrigo Torroglosa
4) 18-Magno "Menino de Ouro"
5) 47-João Tucillo "Jota"

SUPERSPORT
1) 260-Matheus Barbosa
2) 127-Ton Kawakami
3) 32-Fausto Granton Gallay
4) 822-Niko Ramos
5) 7-Lucas Dezeró

SUPERSPORT EXTREME
1) 43-Marcelo Caetano
5) 20-Regis Santos
3) 13-Luiz Ferraz
4) 42-Henrique Daniel
5) 77-Marcos Kawasaki

959 PANIGALE CUP
1) 181-Rodrigo Cabecinha
2) 41-Massao Nishimoto
3) 99-Marcos Fortunato

CBR 500R PRO
1) 59-Enzo Valentim
2) 43-Ademilson Peixer
3) 99-Arthur Costa
4) 199-Indiana Muñoz
5) 88-Fábio Florian

CBR 500R LIGHT
1) 90-Raphael Ramos
2) 444-Luiz Felipe
3) 14-João Carneiro
4) 62-Renan Fui
5) 711-Mario Nicoli Netto

CBR 500R EXTREME
1) 7-Marcelo Moreno "MM"
2) 9-Marciano Santin
3) 78-Magno
4) 13-Gilberto Junior
5) 76-Anderson Felipe

CBR 500R TEEN
1) 59-Enzo Valentim
2) 90-Raphael Ramos
3) 88-Fábio Florian
4) 444-Luiz Felipe
5) 14-João Carneiro

CBR 500R FEMININO
1) 199-Indiana Muñoz
2) 19-Raquel Vaz
3) 22- Mafe Rocha

YAMALUBE R3 CUP 
1) 44-Gui Brito
2) 51-Bruno Cesar Borges
3) 125-Emiliano Lancioni
4) 29-Enzo Valentim
5) 58-Odair Delefrati

YAMALUBE R3 STOCK
1) 12-Humberto Turquinho
2) 36-Kaywan Freire "Kaka Fumaça"
3) 8-Rodrigo Gregório Diguinho
4) 31-Davi Gomide
5) 50-Rafinha Fernandes

SUPERBIKE ESCOLA
1) 126-Fabio Pitta 
2) 111-Thiago Eduardo
3) 90-Murilo Tom
4) 49-Silvio Akio
5) 25-Fábio Queiroz

SUPERSPORT ESCOLA
1) 118-Marco Ferreira
2) 21-Franco Lopes Mineiro
3) 52-Rubens L.Arenas Bosch
4) 14-Felipe Cesar Alencar
5) 39-Bruno Eduardo

HONDA JUNIOR CUP 
1) 91-Caique Lanna 
2) 77-Theo Manna
3) 6-Davi Gama
4) 13-João Henrique Fascineli
5) 8-Eduardo Burr

Foto :Sandro de Souza

F. Imprensa SBK

domingo, 11 de novembro de 2018

SBK : ERIC GRANADO E BRUNO CORANO A FRENTE NESTE DOMINGO


SBK ENCERRA CLASSIFICATÓRIOS EM LONDRINA COM DESTAQUE DE ERIC GRANADO

Os ajustes foram feitos e agora Londrina (PR) espera pela largada do SuperBike Brasil! Neste sábado (10), diante de um tempo firme na cidade paranaense, pilotos e equipes realizaram os treinos classificatórios no Autódromo Internacional Ayrton Senna e definiram os grids para as corridas deste domingo.

O destaque nas disputas foi Eric Granado (#51). O piloto da Honda Racing Brasil ia aos poucos abaixando seu tempo, mas parece ter deixado o melhor para o final do dia que permaneceu nublado. Na disputa da SuperPole, ele realizou uma volta praticamente perfeita para confirmar o favoritismo e garantir o primeiro lugar no grid de largada da categoria principal: 1m16s027.

Principal concorrente do atual campeão do SBK Brasil até o momento no fim de semana, Maximiliano Gerardo (#41) largará em segundo. O piloto da Kawasaki Racing Team anotou 1m16s687 e ficou à frente de Danilo Lewis (#17), da Tecfil Havoline Racing Team, que fez melhor volta na SuperPole em 1m17s390.

Com a definição do grid, os competidores se preparam para uma disputa decisiva na reta final do campeonato. Granado lidera a categoria principal com 194 pontos e vive a expectativa de confirmar o bicampeonato no SBK para coroar uma temporada repleta de vitórias, recordes e show de pilotagem.

Na SuperBike Extreme, o primeiro lugar ficou com Jeferson Friche (#6), da HG Motos Racing/Sky Comp. O piloto liderou a última sessão com 1m19s875, ficando à frente de Diego Viveiros (#23), da Picoloko/PRT - Pitico Race Team, com 1m19s915, e Mauriti Junior (#832), da Maxon Oil Racing Team, com 1m19s934.

No outro grid de motos 1000cc, os pilotos também aproveitaram para acelerar forte e cravar os melhores tempos nos classificatórios.

Bruno Corano (#34) coroou o sábado com a conquista da SuperPole da SuperBike Evolution. O piloto da BMW Motorrad MotorSport completou a disputa em 1m20s733 e liderou também na classificação geral à frente de Juracy Rodrigues "Black", da Paulinho SuperBikes, com 1m20s874.

Entre as motos da SuperBike Light, o mais rápido foi Cleber Pires (#76). O piloto da Tom Racing Team garantiu o melhor tempo da categoria na SuperPole, com 1m21s035.

Na SuperStock, Osvaldo Jorge Filho "Duende" (#155) surpreendeu os rivais na disputa e fez o melhor tempo da SuperPole. O piloto da Duende Racing liderou a categoria com 1m21s837.

Na SuperBike Evolution 1000cc, Felipe Comerlatto (#186), da Pro Racing Team, garantiu o ponto extra ao completar a volta em 1m21s390.

Entre as motos da SuperBike Master, a liderança ficou com Guilherme Neto (#66), da Pro Racing Team, que fechou a disputa com tempo de 1m24s106.

Nas 600cc não faltou emoção! Ton Kawakami (#127) correspondeu às expectativas e faturou a SuperPole da SuperSport com 1m19s446. O piloto da Yamaha Racing, que já havia garantido a ponta em todos os treinos livres e classificatórios no fim de semana, foi ainda mais rápido na sessão que dava ponto extra.

O grande vencedor da SuperPole na SuperSport Extreme foi Marcelo Caetano (#43). O piloto da Paulinho SuperBikes foi mais veloz que os adversários e garante a primeira colocação na largada após a marca de 1m21s733. Na 959 Panigale Cup, Rodrigo "Cabecinha" (#181), da Motonil Motors/UsatecBSB foi líder com volta em 1m22s907.

Entre as motos 500cc, a disputa foi acirrada nas diversas categorias. Enzo Valentim (#59), da Colorado Doctor Racing Team, conseguiu o melhor tempo da atividade - 1m29s402 - e garantiu a pole position no grid. Ele compete nas categorias Pro e Teen. Raphael Ramos (#90), da MotoSchool Racing Team, foi pole na Light com 1m29s430.

Já na CBR 500R Extreme, Marcelo Moreno "MM", da Motonil Motors/UsatecBSB, foi o mais rápido com 1m30s692, enquanto Indiana Muñoz (#199), da Moretti Racing Team, sobrou na Feminina e teve o melhor tempo ao cravar 1m30s745.

Pela Yamalube R3 Cup, a ponta do grid ficou com Gui Brito (#44), da PRT - Pitico Race Team, que anotou 1m31s304. Já na R3 Stock, Felipe Macan (#54) foi o mais rápido com 1m31s858.

Murilo Tom (#90) surpreendeu no terceiro treino e largará na pole na SuperBike Escola. Ele anotou 1m24s764. Na SuperSport Escola, Felipe Cesar Alencar (#14) garantiu a primeira colocação com um 1m27s197.

Por fim, não faltou emoção também na disputa das jovens promessas do SuperBike Brasil. Caique Lanna (#91) voou no último treino classificatório da Honda Junior Cup. O tempo de 1m48s920 fez o pequeno piloto garantir a pole position.

Agora, com expectativa de muita emoção, pilotos e equipes retornam à pista neste domingo para as corridas em Londrina, pela 7ª etapa do SuperBike Brasil.

Confira a classificação final:

SUPERBIKE

1) 51-Eric Granado, 1:16.027
2) 41-Maximiliano Gerardo, 1:16.687
3) 17-Danilo Lewis, 1:17.390
4) 28-Pedro Sampaio, 1:17.850
5) 43-Wesley Gutierrez, 1:18.647 

SUPERBIKE EXTREME

1) 6-Jeferson Friche, 1:19.875
2) 23-Diego Viveiros, 1:19.915
3) 832-Mauriti Junior, 1:19.934
4) 69-Anselmo Perini, 1:20.766
5) 56-Julio Fortunato, 1:21.102 

SUPERBIKE EVOLUTION

1) 34-Bruno Corano, 1:20.733
2) 56-Juracy Rodrigues Black, 1:20.874
3) 33-Juliano Ferrante, 1:23.774 

SUPERBIKE EVOLUTION 1000CC

1) 186-Felipe Comerlatto, 1:21.390
2) 74-Sergio Prates, 1:25.682 

SUPERBIKE LIGHT

1) 76-Cleber Pires, 1:21.035
2) 37-Marcio Ferreira Bortolini, 1:21.415
3) 93-André Veríssimo, 1:21.455
4) 126-Thiago Marchon, 1:22.118
5) 17-Cleberson Maicher Alemão, 1:22.325 

SUPERBIKE MASTER

1) 66-Guilherme Neto, 1:24.106
2) 211-Edison Simões, 1:26.191
3) 45-Nelson Gonçalves "Mágico", 1:26.917
4) 86-Edson Errera, 1:31.764
5) 199-Edu Aceto, 1:32.217 

SUPERSTOCK

1) 155-Osvaldo Jorge Filho Duende, 1:21.837
2) 18-Guto Figueiredo, 1:22.552
3) 6-Peterson Pet, 1:23.443
4) 55-Rodrigo Torroglosa, 1:23.972
5) 18-Magno "Menino de Ouro", 1:26.290 

SUPERSPORT

1) 127-Ton Kawakami, 1:19.446
2) 32-Fausto Granton Gallay, 1:20.448
3) 260-Matheus Barbosa, 1:20.946
4) 53-Leo Tamburro, 1:21.063
5) 822-Niko Ramos, - 

SUPERSPORT EXTREME

1) 43-Marcelo Caetano, 1:21.733
2) 36-Joaquim Alves Quim, 1:22.325
3) 777-Valmir Tiago Monteiro, 1:23.917
4) 85-Gustavo da Silveira Gão, 1:24.587
5) 20-Regis Santos, 1:23.839 (tempo obtido antes de SuperPole) 

959 PANIGALE CUP

1) 181-Rodrigo Cabecinha, 1:22.907
2) 41-Massao Nishimoto, 1:24.926
3) 99-Marcos Fortunato, 1:26.647

CBR 500R PRO

1) 59-Enzo Valentim, 1:29.402
2) 43-Ademilson Peixer, 1:29.463
3) 99-Arthur Costa, 1:29.661
4) 88-Fábio Florian, 1:30.364
5) 122-Mauricio Mendes Nogueira, 1:31.198 

CBR 500R LIGHT

1) 90-Raphael Ramos, 1:29.430
2) 444-Luiz Felipe, 1:30.702
3) 62-Renan Fui, 1:31.324
4) 14-João Carneiro, 1:31.629
5) 711-Mario Nicoli Netto, 1:31.990 

CBR 500R EXTREME

1) 7-Marcelo Moreno "MM", 1:30.692
2) 9-Marciano Santin, 1:30.915
3) 27-Alexandre Colorado, 1:32.876
4) 78-Magno, 1:35.423
5) 29-Mauricio Laranjeira, 1:35.525 

CBR 500R TEEN

1) 59-Enzo Valentim, 1:29.402
2) 90-Raphael Ramos, 1:29.430
3) 88-Fábio Florian, 1:30.364
4) 444-Luiz Felipe, 1:30.702
5) 14-João Carneiro, 1:31.629

CBR 500R FEMININO

1) 199-Indiana Muñoz, 1:30.745
2) 19-Raquel Vaz, 1:35.980
3) 22- Mafe Rocha, 1:37.626 

YAMALUBE R3 CUP

1) 44-Gui Brito, 1:31.301
2) 131-Leandro Bagnarelli, 1:31.453
3) 125-Emiliano Lacioni, 1:31.777
4) 29-Enzo Valentim, 1:31.801
5) 30-Felipe Gonçalves, 1:31.933

YAMALUBE R3 STOCK

1) 54-Felipe Macan, 1:31.858
2) 12-Humberto Turquinho, 1:32.100
3) 36-Kaywan Freire "Kaka Fumaça", 1:32.290
4) 8-Rodrigo Gregório "Diguinho", 1:32.857
5) 50-Rafinha Fernandes, 1:33.558

SUPERBIKE ESCOLA

1) 90-Murilo Tom, 1:24.764
2) 49-Silvio Akio (SBK), 1:24.863
3) 126-Fabio Pitta, 1:25.113
4) 111-Thiago Eduardo, 1:25.265
5) 74-Eduardo Garcia Caxa, 1:25.881 

SUPERSPORT ESCOLA

1) 14-Felipe Cesar Alencar, 1:27.197
2) 118-Marco Ferreira, 1:29.585
3) 39-Bruno Eduardo, 1:30.305
4) 21-Franco Lopes Mineiro, 1:34.273
5) 52-Rubens L. Arenas Bosch, 1:42.541 

HONDA JUNIOR CUP

1) 91-Caique Lanna, 1:48.920
2) 26-João Arratia, 1:48.996
3) 6-Davi Gama, 1:49.462
4) 10-Pedro Balla, 1:49.837
5) 77-Theo Manna, 1:50.616


Foto: Geraldo Carvalho
F. Imprensa SBK

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

CAPACETE DE OURO PREMIAÇÃO ÃOS MELHORES DO ESPORTE A MOTOR 2018

                                                                                  
Sérgio Sette Camara venceu a Internacional Top e chega à Fórmula 1
Oscar do Automobilismo’ homenageou e premiou os melhores pilotos do Brasil.

Capacete de Ouro: 22 anos consecutivos de sucesso.

A maior premiação do esporte a motor do Brasil foi marcada pelo 22º ano consecutivo com a presença dos mais importantes esportistas, dirigentes e empresários do setor automotivo na noite da última quarta-feira (07/11). A 22ª edição do Capacete de Ouro contemplou os melhores pilotos e navegadores brasileiros em solenidade na Arena RACING, dentro do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo 2018, no São Paulo Expo-SP.
                                                                         

“Depois da nossa maioridade, é hora de mudar, ousar e evoluir, como tudo no mundo. Agora o 22º Capacete de Ouro está diferente, mais Motorsport do que nunca, contemplando também o segmento de motos, como também pudemos presenciar em vários estandes do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo. Temos experiência e maturidade para seguir em frente com muito mais força e brilhantismo”, discursou Isabel Reis, organizadora do Capacete de Ouro e Diretora Geral da Motor Mídia.
                                                                        

O ‘Oscar do automobilismo’ contemplou os pilotos e navegadores brasileiros de 11 categorias em 2018: Fórmula Indy, Fórmula E, Internacional Top, Internacional, Stock Car, Nacional, Formação de Pilotos, Kart, Revelação, Off-Road, e Rali. O Capacete de Ouro premiou pela primeira vez pilotos de categorias de Velocidade na Terra e Brasileiro de Turismo, com um troféu de Honra ao Mérito.
                                                                           
Alex Barros foi homenageado
  

Outra novidade é que os principais pilotos de moto foram contemplados pela primeira vez, com o apoio da revista Motociclismo, também da editoria Motor Mídia, e com uma homenagem ao piloto Eric Gramado, principal brasileiro na motovelocidade internacional nos últimos anos e que estreará na novíssima categoria de motos elétricas, MotoE.
                                                                        

O evento contou ainda com a apresentação de uma nova categoria do automobilismo nacional, a HB20 Motorsport, que utilizará o modelo HB20 R Spec da Hyundai no Brasil.
                                                                               

A participação internacional desta vez ficou por conta da presença do alemão Nico Hülkenberg, piloto da Renault na Fórmula 1, e Jérôme Stoll, presidente da Renault Sport, que foram homenageados e entrevistados ao lado do presidente da Renault do Brasil, Luiz Fernando Pedrucci.
                                                                       
Felipe Giaffone foi o destaque Nacional
O ponto alto da cerimônia foi a participação do bicampeão mundial de Fórmula 1 e Fórmula Indy Emerson Fittipaldi, que ao lado do presidente da Kia do Brasil, José Luiz Gandini, recebeu das mãos do artista e designer Alan Mosca um capacete pintado na cor dourada. Ayrton Senna foi homenageado pelos 30 anos do primeiro do seu primeiro título de campeão Mundial de Fórmula 1, através de sua sobrinha Bianca Senna, Diretora de Branding do Instituto Ayrton Senna.
                                                                   

Foram homenageados também os patrocinadores Hyundai, Pirelli, Renault, Mitsubishi, CBA e Reed Exhbitions Alcantara Machado.

Confira os vencedores do 22º Capacete de Ouro:

Fórmula Indy: Tony Kanaan

Fórmula E: Lucas Di Grassi

Internacional Top: Sérgio Sette Câmara

Internacional: Enzo Fittipaldi

Stock Car: Daniel Serra

Nacional: Felipe Giaffone

Formação de Pilotos: Gabriel Silva

Rali: Paulo Nobre/Gabriel Morales

Off-Road: Cristian Baumgart/Beco Andreotti

Kart: Felipe Bartz

Revelação: Vinícius Tessaro

Velocidade na Terra – Autocross: Celso Melo

Velocidade na Terra: - Kartcross: Alan Synthes

Marcas A: Fausto de Lucca

Brasileiro de Turismo – Categoria A: Wanderson Freitas/Leandro Freitas

Brasileiro de Turismo – Categoria B: Edson Bueno

Super Moto: Pedro Rehn

Motocross: Carlos Campano

Enduro: Bruno Crivilin

Rali: Gregório Caselani

Quadriciclo: Geison Belmont

UTV: Denísio Nascimento

Motovelocidade: Alex Barros

O Capacete de Ouro 2018 é apresentado pela Hyundai, tem patrocínio Master de Pirelli, apoio da Renault, Mitsubishi, CBA e Reed Exhbitions Alcantara machado (Salão Internacional do Automóvel de São Paulo), e é promovido pela revista RACING, da Motor Mídia/Matel.



Mais informações:




Fotos: Renato Bueno/MotorMidia