segunda-feira, 30 de março de 2020

VOLKSWAGEN CAMINHOES E ONIBUS SOCORRO ONLINE

                                                                                   
Volkswagen Caminhões e Ônibus lança plataforma para acompanhamento de socorros online.
                                                                       

As primeiras concessionárias já foram cadastradas e estão prontas para atender os clientes respeitando as regras estabelecidas pelo governo federal.

Os já conhecidos serviços de atendimento ao cliente da VWCO, o ChameVolks e o MAN Service, estão agora mais completos com o lançamento da plataforma VWCO Field Service de acompanhamento de socorros online.

Lançada na Fenatran 2019, a plataforma possibilitará o acompanhamento do deslocamento do técnico em tempo real, tanto para o cliente quanto para a concessionária, e também para a Central de Relacionamento com o Cliente, desde sua saída da concessionária, até a chegada ao local do atendimento. Além dos controles normais de tempo e distância de deslocamento, a plataforma permite também o envio de fotos dos componentes reparados ou substituídos. As fotos permitem que a plataforma faça a geolocalização para evidenciar o atendimento em tempo real e calcular o tempo total necessário para a liberação do veículo e retorno do técnico à concessionária.
                                                                             

Uma inovação para os serviços de atendimento ao cliente da VWCO, que mantém seu compromisso com o transporte de carga e passageiros, para que eles sejam atendidos em qualquer local e horário e para que o veículo volte à operar no menor tempo possível.

Desta forma, a plataforma traz agilidade para os chamados, redução do número de contatos em todas as etapas do processo, além da melhoria de performance dos atendimentos. As primeiras concessionárias já foram cadastradas e estão prontas para atender os clientes respeitando as regras estabelecidas pelo governo federal.

“Procurando sempre inovar em nossos produtos e serviços, e preocupados em manter nossos atendimentos, a VWCO Field Service está trazendo mais conectividade, interatividade e transparência para o nosso processo de atendimento em campo, focando na satisfação do cliente final”, comenta Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da Volkswagen Caminhões e Ônibus.

Investimento em novo sistema de telefonia e ampliação dos canais de atendimento ao cliente.
Antenada no que há de mais inovador em tecnologia no mercado, a VWCO investiu R$4 milhões em um novo sistema de telefonia para o atendimento 24h de seus clientes. O investimento contempla novos equipamentos e serviços para os dois canais de atendimento ao cliente da montadora (ChameVolks e MAN Service).

Agora os clientes Volkswagen Caminhões e Ônibus contam com um sistema mais ágil e qualificado, que permite rastrear as ocorrências e identificar os clientes que já entraram em contato com os canais de atendimento VWCO anteriormente. Um avanço para a telefonia digital, aprimorando o suporte para oferecer a melhor assistência no menor tempo e nos pontos mais distantes, inclusive em países como Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai.

GRANADO LEVA GUIDÃO DE OURO MELHOR PILOTO

Guidão de Ouro: votação pública elege Eric Granado como melhor piloto de 2019.

Esta é terceira eleição consecutiva do jovem tricampeão da Superbike e representante do Brasil no Mundial de Moto-E.

O piloto Eric Granado foi o vencedor do “Guidão de Ouro”, premiação que utiliza voto popular para a escolha dos melhores competidores da temporada. O tricampeão brasileiro de Superbike e representante do país no Mundial de Moto-E foi apontado pelos fãs do esporte como o melhor piloto na categoria Motovelocidade em 2019, conforme anúncio do site da revista Motoaction, que realiza o pleito desde 2005. A versão impressa da publicação chega às bancas e aos assinantes a partir do próximo dia cinco de abril.
                                                                          

Este é o terceiro “Guidão de Ouro” consecutivo conquistado por Granado, que também foi apontado pelo público como melhor piloto de motociclismo do País nos pleitos relativos a 2017 e 2018. “Gostaria de agradecer muito a todos que fizeram parte desse prêmio, e também à revista Motoaction. Me sinto privilegiado de ser referência aqui no Brasil, como melhor piloto brasileiro pela votação do público. Isso não seria possível sem o apoio de todo o meu staff, tanto da equipe Honda aqui no Brasil quanto da equipe Avintia no Mundial”, resumiu Granado.

“O ano de 2019 foi incrível. Venci novamente o Superbike e também fechei o ano com chave de ouro no Mundial. Este ano estou como um dos favoritos no Mundial, algo inédito para o nosso país. Então estou muito contente e esse prêmio me dá mais ânimo ainda pra continuar me dedicando e representando o Brasil e meus patrocinadores da melhor forma. Obrigado a todos!”, disse Granado, que venceu as duas últimas etapas do Mundial e com isso terminou a temporada de 2019 em alta.

Reconhecimento – Esta é a 14ª premiação de Eric Granado de melhor piloto em temporada. A primeira foi em 2006, ainda aos sete anos de idade, quando foi escolhido “Destaque Internacional” e também “Piloto Revelação” no prêmio “Moto de Ouro” da revista Motociclismo. Granado seria apontado como o melhor piloto brasileiro no cenário internacional daquela eleição também em 2008, 2009, 2010, 2011, 2015 e 2017. Em 2018 e 2019, Eric venceu o “Capacete de Ouro” da revista Racing, no qual a imprensa especializada elege os melhores pilotos no país.

Atualmente com 21 anos de idade, Eric Granado segue como principal nome brasileiro no exterior. No mês de março, ele participou dos três dias de testes oficiais do Mundial de Moto-E na pista espanhola de Jerez de la Frontera. O piloto da equipe Avintia Racing apresentou uma performance dominante, sendo o mais rápido nos dois primeiros dias e segundo colocado no último, em um desempenho prejudicado por problemas na parte traseira da moto.

No Campeonato Brasileiro de Superbike, Eric Granado tem patrocínio de Honda, Oakley, Shark CrossFox e Thinkers, com apoio de Alpinestars, Orbea, Marazul, Edge e Frota. No Mundial de Moto-E o brasileiro conta com patrocínio de Oakley, Shark, Alpinestars e Thinkers, além do apoio de Orbea, Marazul, Edge e Frota.

sábado, 28 de março de 2020

CORRIDA VIRTUAL: TURISMO NACIONAL LANÇA MODALIDADE

Turismo Nacional lança competição virtual

Enquanto seguem as indefinições sobre o retorno das atividades automobilísticas, os amantes da velocidade ganham mais uma opção para encarar a quarentena e matar as saudades. A categoria brasileira dos carros 1.6 está lançando o Turismo Nacional AV, que contará com a galera acostumada aos simuladores e os pilotos que aceleram nas pistas do Brasil.

O campeonato terá as mesmas divisões de categoria das pistas – Classe Super, Classe 1 A e 1B – que serão definidos de acordo com os tempos de volta dos pilotos ao longo dos dez dias de seletiva, de 1º  a 10 de abril.. Os pilotos incluídos na Classe Super iniciam o campeonato dia 13 de abril, enquanto a Classe 1 terá inicio em 20 de abril. Todas as etapas serão realizadas às segundas-feiras, 20 horas, com quatro corridas por classe e a mesma pontuação do campeonato real.
                                                                          
Gabriel Correa, campeão de 2019, vai acelerar no TN Virtual.
“Queremos atrair o público do virtual e aproximá-los ainda mais do mundo real. Além da disputa que vai existir, todos terão a oportunidade de aprender um pouco mais sobre os ajustes dos carros dentro da equalização que é a marca da Turismo Nacional”, afirma Angelo Correa, CEO da Turismo Nacional.

O calendário marca etapas para Tarumã, Interlagos, Goiânia, Campo Grande, Cascavel e Potenza (MG). Campeão e vice de cada categoria receberão troféus personalizados.

Todo o regulamento e informações sobre inscrições estão no site

quinta-feira, 26 de março de 2020

VITOR BAPTISTA FECHA COM KTF NA STOCK CAR


KTF Sports traz Vitor Baptista para o terceiro carro da Stock Car.
                                                                        


Paulista de 22 anos foi campeão da Porsche Cup, Euroformula 3 e Sul-Americano de F3.

Em meio às indefinições de calendário geradas pela pandemia mundial do COVID-19 uma boa notícia chegou para animar os bastidores da Stock Car. A equipe KTF Sports anunciou que irá inscrever um terceiro carro no Campeonato de 2020 e, ao seu volante estará o piloto paulista Vitor Baptista.

Atualmente com 22 anos Baptista tem um currículo invejável no automobilismo com experiência e títulos tanto em categorias de fórmula como de turismo. Como a maioria dos pilotos Vitor iniciou a sua trajetória nas pistas em 2008, nas corridas da categoria Cadete de kart. Na modalidade de entrada do automobilismo ele somou inúmeros títulos desde regionais até o Sul-Americano.
                                                                             

No ano de 2014 o ainda garoto iniciou sua trajetória nos autódromos na F-3 Sul-Americana. Na divisão Light ele chegou ao título com impressionantes 13 vitórias na temporada. No ano seguinte, em 2015, ele direcionou sua carreira para a Europa quando disputou a Eurofórmula-3. Naquele ano, com seis vitórias e 13 subidas ao pódio ele conquistou o seu segundo título consecutivo, sendo o primeiro na Europa.

Em 2016 Baptista seguiu na Europa e, na World Series By Renault, com os potentes motores V6 de 3,5l, ele teve um ano de aprendizado e chegou a vencer uma corrida na divisão Rookie. Infelizmente, na temporada seguinte, a falta de apoio financeiro fez o piloto voltar ao país e redirecionar a sua carreira para os carros de Turismo.

De fórmula para o Turismo

O ano de 2017 foi muito importante na carreira de Vitor. Aprendendo a lidar com o novo tipo de carro ele participou de cinco etapas do Brasileiro de Turismo (Stock Light) vencendo uma delas e subindo ao pódio e mais duas ocasiões.

Diante do inconteste sucesso o piloto foi convidado pela Porsche para participar do Júnior Program da Porsche Cup quando se tornou o primeiro campeão no Brasil. Assim, ele disputou de forma subsidiada a temporada 2018 e, no fim do ano, veio o título da categoria 3.8. Em 2019, ainda na Porsche Cup, Vitor foi promovido para a categoria 4.0 onde conquistou 3 vitórias e sete pódios. Ele venceu também o Porsche Endurance 500 e representou o Brasil no Shoot Out Global do Porsche Junior Program.

A Stock Car

Baptista chega à KTF para integrar um time somente de campeões. Ao seu lado nos boxes estarão Guilherme Salas – campeão da Stock Light 2019 e Sérgio Jimenez - campeão Mundial dos carros elétricos em 2019. O jovem de 22 anos já teve um pequeno contato com a Stock Car. Na segunda etapa do Campeonato do ano passado, na rodada dupla do Velocittà, ele conseguiu se destacar e chegou na zona de pontuação.

“Estou muito feliz por me juntar à equipe KTF na Stock Car. Terei a chance e a responsabilidade de ter dois companheiros de equipe rápidos e vencedores que, certamente, poderão me ajudar bastante no entendimento e no conhecimento do carro e da categoria. Agradeço a oportunidade e espero representar muito bem o time na busca pelas vitórias”, comentou Vitor.

Enzo Bortoleto, CEO da KTF Sports, acredita que Vitor irá se adaptar rápido à Stock Car. “Conheço o Vitor há muitos anos. Ele é rápido e desde o kart acumula importantes títulos. Ele chega para fechar o nosso line-up de 2020 e não vejo a hora de colocarmos os carros na pista”, comentou o empresário.

Fotos: Flávio Quick

F: Quick

quarta-feira, 25 de março de 2020

SETTE CÂMARA ENTROU NA PISTA E FECHOU POSITIVO

Sérgio Sette termina testes de Fuji no Top10 da Super Formula.
                                                                            


Em seu primeiro contato com a nova categoria piloto brasileiro completou mais de 200 voltas.

Na distante cidade de Fuji, no Japão, às margens do monte Everest, o piloto brasileiro Sérgio Sette Câmara (YOUSE | XP Investimentos | MRV | Energisa | Gasmig | CBMM) fez nesta terça e quarta-feira a sua estreia oficial na categoria em que irá competir no ano de 2020 – a Super Fórmula Japonesa.

A bordo do carro #50 da equipe B-Max Racing by Motopark o mineiro de 21 anos participou da primeira rodada de testes coletivos da categoria quando completou mais de 200 voltas no circuito asiático. Seu principal objetivo, neste momento, foi o de conhecer o carro de sua nova categoria, bem como, criar um vínculo profissional com os novos engenheiros e mecânicos que irão trabalhar com ele durante todo o ano.

Outra situação que Sérgio buscou assimilar foi a preparação para um fim de semana de competição, bastante diferente do que ele se acostumou nas últimas três temporadas de F-2. A programação de corrida da Super Formula conta com três treinos livres, tomada de tempos separada em três sessões, um aquecimento de oito minutos e, depois, a corrida, que tem em média uma hora e meia de duração. Ou seja, é praticamente igual à programação de um fim de semana de F-1, por exemplo.
                                                                            

Outros fatores técnicos que Sette destacou após os treinos foram o grande downforce existente no carro, bem como, a força do motor Honda e a aderência dos pneus Yokohama, completamente distintos do que ele vivenciou nas categorias pelas quais já passou.

“Tivemos dois dias muito produtivos aqui em Fuji. Tinha muita coisa para aprender, conhecer as pessoas, entender o mecanismo do fim de semana de competição e, principalmente, conhecer um carro completamente novo para mim. O meu maior benefício foi o tanto que consegui andar na pista. Fizemos vários tipos de simulação como qualify, corrida, pit-stop, largada, enfim.... Realmente usamos o tempo para treinar e nos preparar para os próximos desafios. Na semana que vem, na segunda rodada de testes, tenho certeza que estaremos mais integrados e os resultados tendem a ser melhores também”, comentou o piloto de 21 anos.

Na última das quatro sessões de treinos Sette Câmara ficou com o oitavo tempo ao estabelecer a marca de 1m21s823. O mais veloz foi o japonês Nirei Fukuzumi, concorrente que Sérgio já enfrentou no Mundial de F-2.

Confira o Top-10 dos testes da tarde desta quarta-feira:

1) Nirei Fukuzumi (JPN) |Dandelion/Honda | 1m21.207s             
2) Ryo Hirakawa (JPN) | Impul/Toyota | 1m21.448s         0.241s
3) Sacha Fenestraz (FRA) | Kondo/Toyota | 1m21.642s   0.435s
4)  Naoki Yamamoto (JPN) | Dandelion/Honda | 1m21.662s        0.455s
5) Yuhi Sekiguchi (JPN) |Impul/Toyota | 1m21.676s         0.469s
6) Toshiki Oyu (JPN) | Nakajima/Honda  | 1m21.691s      0.484s
7) Juri Vips (EST) | Mugen/Honda | 1m21.819s  0.612s
8) Sergio Sette Camara         (BRA) | B-Max/Honda | 1m21.823s 0.616s
9) Tadasuke Makino (JPN) | Nakajima/Honda | 1m21.832s          0.625s
10) Kamui Kobayashi (JPN) | KCMG/Toyota | 1m21.929s              0.722s

Fotos: Divulgação

F: Quick

terça-feira, 24 de março de 2020

BMW ANUNCIA VARIAS MEDIDAS E VAI PARAR PRODUÇÃO

BMW Group vai parar a produção de Manaus como contenção ao COVID-19

Parada na fábrica de automóveis em Araquari será antecipada.

O BMW Group Brasil anuncia a paralisação temporária de sua planta de Manaus (AM) – com foco na produção de motocicletas - a partir de 30 de março. O retorno das atividades está previsto para 23 de abril.  A medida faz parte de uma série de ações que a companhia tem aplicado para proteger seus colaboradores, com o avanço da COVID-19. 

Outras ações para aumentar a proteção dos colaboradores já foram tomadas pelo BMW Group como redução das pessoas em unidades produtivas, cancelamento de viagens, medidas para proibir aglomerações dentro da planta, áreas administrativas 

em sistema de home-office e intensa comunicação sobre higienização e formas de evitar a contaminação e propagação do novo Coronavírus.  

Além disso, a diretoria segue reunida diariamente para tomar as medidas necessárias de proteção aos funcionários e ao negócio assim como diariamente são levadas novas informações de saúde e segurança para todos os colaboradores.  

A empresa espera recuperar os dias de produção ainda em 2020.  

“Nosso foco agora é proteger nossos colaboradores, manter todos em segurança e com saúde, e nos preparar para o que virá, com a retomada das atividades e do mercado”, afirma Jefferson Dias, Diretor da Fábrica de produção de motocicletas do BMW Group em Manaus. “Ao adotar esta medida preventiva, acreditamos reduzir a circulação dos nossos funcionários e, como consequência, a redução das chances de um eventual contágio”, reforça o executivo. 

Pensando na saúde e segurança de seus colaboradores, tendo em conta as diferenças de estágios em cada localidade, o BMW Group irá antecipar a já anunciada parada na produção na fábrica de automóveis, em Araquari, e começa a reduzir a operação a partir desta terça-feira, 24 de março. Até quinta-feira, dia 26, estará totalmente parada. Ainda nesta terça-feira foram dispensadas pessoas que estão no grupo de risco de doenças crônicas. Já haviam sido dispensadas gestantes e pessoas com mais de 60 anos. As medidas de prevenção continuam em andamento. 

Para mais informações sobre a BMW do Brasil, acesse:
www.bmw.com.brBMW Group vai parar a produção de Manaus como contenção ao COVID-19
Parada na fábrica de automóveis em Araquari será antecipada.
São Paulo, 24 de março de 2020 — O BMW Group Brasil anuncia a paralisação temporária de sua planta de Manaus (AM) – com foco na produção de motocicletas - a partir de 30 de março. O retorno das atividades está previsto para 23 de abril.  A medida faz parte de uma série de ações que a companhia tem aplicado para proteger seus colaboradores, com o avanço da COVID-19. 

Outras ações para aumentar a proteção dos colaboradores já foram tomadas pelo BMW Group como redução das pessoas em unidades produtivas, cancelamento de viagens, medidas para proibir aglomerações dentro da planta, áreas administrativas 

em sistema de home-office e intensa comunicação sobre higienização e formas de evitar a contaminação e propagação do novo Coronavírus.  

Além disso, a diretoria segue reunida diariamente para tomar as medidas necessárias de proteção aos funcionários e ao negócio assim como diariamente são levadas novas informações de saúde e segurança para todos os colaboradores.  

A empresa espera recuperar os dias de produção ainda em 2020.  

“Nosso foco agora é proteger nossos colaboradores, manter todos em segurança e com saúde, e nos preparar para o que virá, com a retomada das atividades e do mercado”, afirma Jefferson Dias, Diretor da Fábrica de produção de motocicletas do BMW Group em Manaus. “Ao adotar esta medida preventiva, acreditamos reduzir a circulação dos nossos funcionários e, como consequência, a redução das chances de um eventual contágio”, reforça o executivo. 

Pensando na saúde e segurança de seus colaboradores, tendo em conta as diferenças de estágios em cada localidade, o BMW Group irá antecipar a já anunciada parada na produção na fábrica de automóveis, em Araquari, e começa a reduzir a operação a partir desta terça-feira, 24 de março. Até quinta-feira, dia 26, estará totalmente parada. Ainda nesta terça-feira foram dispensadas pessoas que estão no grupo de risco de doenças crônicas. Já haviam sido dispensadas gestantes e pessoas com mais de 60 anos. As medidas de prevenção continuam em andamento. 


TRATON DEPOIS DO CRESCIMENTO TODOS COM MESMO FOCO


TRATON gerou bons resultados em 2019 em meio a condições de mercado cada vez mais desafiadoras
     
•    Receita de vendas aumentou 4%, para €26,9 bilhões;

•    Lucro operacional cresceu 25%, para €1,9 bilhão; o retorno operacional sobre as vendas subiu para 7%;

•    Liquidez corrente no segmento de Negócios Industriais totalizou €1,5 bilhão;

•   Pandemia de coronavírus impede qualquer projeção confiável sobre o desempenho dos negócios em 2020;

•    Andreas Renschler, CEO da TRATON: “Nesta crise, a indústria de veículos comerciais terá um papel importante no fornecimento de alimentos e medicamentos para as pessoas”.

 
O GRUPO TRATON aumentou a receita de vendas e o lucro operacional durante o desafiador ano de 2019 e agora está se preparando para enfrentar os desafios econômicos emergentes e o impacto da pandemia de coronavírus. As marcas do GRUPO TRATON fecharam temporariamente diversas fábricas, em resposta à pandemia. A MAN Truck & Bus apresentou um pedido de trabalho de curta duração (Kurzarbeit) para trabalhadores em suas fábricas alemãs. “Nesta crise, a indústria de veículos comerciais terá um papel importante no fornecimento de alimentos e medicamentos para as pessoas”, disse Andreas Renschler, CEO da TRATON e membro do Conselho Administrativo da Volkswagen AG.

Como um dos maiores fabricantes de veículos comerciais da Europa, o GRUPO TRATON assumirá responsabilidades especiais que surgiram dessa situação de emergência. “É por isso que estamos empenhados em continuar fornecendo serviços e peças de reposição para nossos clientes”, disse Renschler. “A entrega de alimentos e medicamentos só pode ser garantida se o transporte terrestre funcionar sem problemas. Nesta situação excepcionalmente desafiadora que cada um de nós enfrenta na atualidade, o ano de 2019 quase parece uma história antiga. No entanto, temos todos os motivos para nos orgulhar de nossas conquistas.”


Perspectivas para 2020

“Em nosso Relatório Anual, preparado em 10 de fevereiro de 2020, esperávamos registrar um declínio moderado nas vendas unitárias e na receita de vendas para 2020", disse Christian Schulz, CFO da TRATON. “Porém, a pandemia de coronavírus em andamento torna impossível prever agora os desenvolvimentos nos mercados de vendas e, portanto, o desenvolvimento de negócios da empresa para este ano, de modo confiável. Nessa situação que pesa sobre a economia como um todo, nossa vantagem é o fato de sermos capazes de nos apoiar em uma sólida estrutura de balanço. Por exemplo, a liquidez corrente no segmento de Negócios Industriais totalizou 1,5 bilhão de euros no fim de 2019”, explicou Schulz.

Panorama do GRUPO TRATON

Em 2019, a receita aumentou 4% ao ano e alcançou € 26,9 bilhões. Após o ajuste para a venda da Volkswagen Gebrauchtfahrzeughandels und Service GmbH (“VGSG”) em 1º de janeiro de 2020, a receita de vendas aumentou 6%. A VGSG gerou uma receita de vendas de € 585 milhões no ano anterior. O lucro operacional aumentou 25% e alcançou € 1,9 bilhão (ano anterior: € 1,5 bilhão). O retorno operacional sobre as vendas subiu para 7,0% em comparação com 5,8% em 2018. A entrada de pedidos caiu 7%, para 227.200 unidades. A relação entre pedidos e vendas (vendas unitárias divididas pela entrada de pedidos) totalizou 0,91 e registrou uma queda, em comparação com o nível do ano anterior de 0,95.

No segmento de Negócios Industriais, a receita de vendas aumentou 6%, para € 26,4 bilhões (ano anterior: € 25,0 bilhões). O negócio de veículos comerciais deu a maior contribuição ao crescimento da receita de vendas. O lucro operacional totalizou € 1,7 bilhão (ano anterior: €1,3 bilhão) e, portanto, aumentou em 29%.

O segmento de Serviços Financeiros gerou receita de vendas de € 849 milhões (ano anterior: € 760 milhões) e um lucro operacional de € 142 milhões (ano anterior: € 138 milhões).


Panorama de suas unidades operacionais

A Scania Vehicles & Services aumentou as vendas unitárias em 3%, para 99.500 (ano anterior: 96.500) veículos. A receita de vendas aumentou 7%, para € 13,9 bilhões (ano anterior: € 13 bilhões). O lucro operacional aumentou 25% e alcançou € 1,5 bilhão (ano anterior: € 1,2 bilhão). O retorno operacional sobre as vendas atingiu 10,8% (ano anterior: 9,3%).

A MAN Truck & Bus registrou vendas unitárias de 105.000 veículos (ano anterior: 103.000), um aumento de 2%. As vendas unitárias de caminhões MAN TGE praticamente dobraram para 15.000 veículos e, portanto, contribuíram substancialmente para as vendas unitárias em geral. A receita de vendas aumentou 3%, para € 11,1 bilhões (ano anterior: € 10,8 bilhões). O lucro operacional totalizou € 371 bilhões (ano anterior: € 402 milhões), 8% abaixo da cifra do ano anterior. Isso corresponde a um retorno operacional sobre as vendas de 3,3% (ano anterior: 3,7%).

A Volkswagen Caminhões e Ônibus aumentou as vendas unitárias em 15%, para 41.900 veículos (ano anterior: 36.400) e beneficiou-se da evolução positiva do mercado na América Latina. A receita de vendas aumentou 22%, para € 1,7 bilhão (ano anterior: € 1,4 bilhão). O lucro operacional praticamente dobrou, atingindo € 55 milhões (ano anterior: € 28 milhões). O retorno operacional sobre as vendas aumentou para 3,2% (ano anterior: 2,0%).


www.traton.com 

A TRATON SE é uma subsidiária integral da Volkswagen AG e uma fabricante líder de veículos comerciais em todo o mundo, com suas marcas MAN, Scania, Volkswagen Caminhões e Ônibus e RIO. Em 2019, as marcas do GRUPO TRATON venderam cerca de 242.000 veículos no total. Sua gama de produtos inclui veículos comerciais leves, caminhões e ônibus, produzidos em 29 instalações em 17 países. A empresa tinha uma força de trabalho de cerca de 82.700 colaboradores em todo o mundo em suas marcas de veículos comerciais, em 31 de dezembro de 2019. O Grupo busca transformar o sistema de transporte – com seus produtos, serviços e como parceiro de seus clientes.

segunda-feira, 23 de março de 2020

PILOTO DI GRASSI PUXA VAQUINHA NO COMBATE COVID -19



Di Grassi aumenta meta contra coronavírus para R$ 1 milhão.
                                                                           

Devido à adesão e valores alcançados, campeão da Fórmula E também prorrogou duração da iniciativa.

O piloto brasileiro Lucas Di Grassi anunciou que subiu de R$ 150 mil para R$ 1 milhão a meta da crowdfunding – a famosa vaquinha – que visa auxiliar as autoridades a combater a epidemia de coronavírus. O dinheiro, que inicialmente seria utilizado para a compra de álcool gel e máscaras para distribuição em pontos de ônibus agora será direcionado prioritariamente para centros de acolhimento a idosos.

“A reação à nossa campanha foi bastante positiva e isso me motivou a propor um objetivo mais ambicioso. Foi legal perceber que podemos ir além do que pensamos inicialmente. Então vamos atrás dessa meta”, diz Di Grassi, que iniciou a arrecadação doando ele mesmo R$ 10 mil.

Até o momento já adquirimos cerca de uma tonelada de insumos, como álcool gel e frascos específicos”, comenta o Lucas. “A ideia de focar nos idosos é a de que, se conseguirmos impedir o máximo de contágios, estaremos aliviando o sistema de saúde pública. Dessa forma será possível evitar um estrangulamento do sistema e isso vai viabilizar o atendimento dos casos de urgência nos prazos adequados”, conta Lucas.

“Fizemos uma parceria com a ONG de assistência social Arcah para atender primeiramente aos idosos em centros de acolhimento. Já doamos ao Hospital das Clínicas de São Paulo 50 litros de álcool gel e em breve contaremos com a empresa de entregas rápidas Loggi para fazer a distribuição. Acho que as pessoas entenderam nosso ideal e que se nos apoiarmos mutuamente vamos vencer qualquer tipo de situação”, completou.

Até esta segunda-feira, a arrecadação já havia superado R$ 100 mil. As doações podem ser feitas através deste link no site vakinha.com.br


sábado, 21 de março de 2020

NELSON PIQUET CARRO E CONTRATO NOVO

Full Time e Texaco renovam pela 7ª temporada seguida e seguem com Piquet pelo 3º ano na Stock Car.
                                                                        

Equipe dirigida por Maurício Ferreira divulga layout do Corolla #33 de Nelson Piquet Jr. Com adiamento das etapas iniciais, como medida de segurança para impedir o avanço do coronavírus, equipe adota cuidados com colaboradores e foca em ações essenciais para desenvolvimento do novo Corolla.

A pandemia do coronavírus segue interferindo na rotina das pessoas e eventos em todo o mundo. Com o adiamento da primeira e da segunda etapas da Stock Car, inicialmente marcadas para o dia 29 deste mês em Goiânia (GO) e 12 de abril no Velopark (RS), a equipe Full Time Sports segue atenta às medidas de prevenção e cuidados com seus colaboradores, mantendo apenas as atividades essenciais na oficina em Vinhedo (SP) e trabalhando no desenvolvimento do novo Corolla, que fará sua estreia na principal categoria do país.

No último fim de semana, o time comandado por Maurício Ferreira divulgou o novo layout do Stock Car #33, pilotado por Nelson Piquet Jr. A equipe renovou pelo sétimo ano consecutivo o patrocínio da Texaco, uma tradicional incentivadora do esporte automotor no mundo e que há mais de 100 anos atua no Brasil na fabricação e comercialização de lubrificantes e graxas automotivos e industriais.

Já Piquet fará sua terceira temporada completa na Stock Car, todas com a Full Time. Nos dois anos anteriores, o piloto subiu quatro vezes ao pódio. Também tem uma pole na categoria, quando correu como convidado na Corrida de Duplas de 2015.

A temporada 2020 também será especial com a chegada da Toyota Gazoo Racing ao Brasil. A Full Time Sports, que completa 16 anos nas pistas, foi um dos times escolhidos pela montadora e terá quatro Corollas no grid.

“Aprendemos muito nas duas últimas temporadas. Ainda não alcançamos o patamar que esperamos, a Stock Car é uma categoria extremamente competitiva, mas vamos seguir trabalhando para que os resultados sejam melhores este ano. Será uma temporada de mudanças, um carro novo, a chegada da Toyota, mas, sem dúvida, essa continuidade com a equipe e a Texaco serão um ponto positivo a nosso favor”, comentou Piquet.

“Sempre buscamos seguir a filosofia da continuidade e esperamos alcançar um novo patamar de resultados em 2020. Mas sabemos que será um ano de muitas novidades técnicas e só mesmo no início da temporada conseguiremos ter uma visão melhor de como estaremos”, destacou o chefe da equipe Maurício Ferreira

“Mas estamos trabalhando muito para que possamos continuar competitivos. Ter a Texaco conosco pela sétima temporada, a terceira com o Nelsinho, com certeza, é significado de uma parceria de sucesso. Agora, vamos focar e trabalhar para reverter isso em resultados ainda melhores nas pistas”, continuou.

Com relação ao adiamento das corridas e cuidados em virtude da pandemia causada pelo coronavírus, o chefe da Full Time Sports também ressaltou que o time está seguindo as recomendações preventivas.

“Estamos aproveitando o adiamento da temporada para nos aprofundarmos em detalhes, que serão construídos com o tempo. Mas estamos atentos aos cuidados e com a saúde de toda a nossa equipe, focando apenas nas atividades essenciais, evitando ações não urgentes e que possam trazer algum risco”, completou Maurício Ferreira.

Após o anúncio do adiamento das etapas iniciais, a Vicar, organizadora da Stock Car, informou que o formato de 12 etapas na temporada será mantido e as datas para realocação das duas primeiras etapas serão anunciadas em breve.

sexta-feira, 20 de março de 2020

PIRELLI ANUNCIA PARADA TEMPORÁRIA

PIRELLI SUSPENDE PRODUÇÃO NAS FÁBRICAS DA AMÉRICA DO SUL

A Pirelli, tendo em vista a emergência relativa a Covid19, a significativa queda da demanda do setor automotivo e a necessidade de reduzir a transmissão do vírus na população, anuncia a parada temporária da fábrica da Argentina a partir de hoje e das três unidades produtivas do Brasil a partir de 23 de março. O fornecimento aos clientes, no entanto, continuará com a utilização do estoque disponível.

A Pirelli está em constante monitoramento da situação para definir quando a produção possa recomeçar e, durante este período, os funcionários da empresa estarão em férias coletivas. Os serviços necessários para o funcionamento mínimo da companhia serão mantidos.

A prioridade total da Pirelli é a saúde de seus funcionários e famílias, a empresa está monitorando constantemente a evolução da situação e está pronta a adotar qualquer outra medida que se faça necessária.


quinta-feira, 19 de março de 2020

CAMINHOES E ONIBUS CHEGA AGRICULTURA MEXICANA


Volkswagen Caminhões e Ônibus amplia rede de atendimento ao cliente mexicano
 Novo ponto de serviço está localizado em região estratégica para agricultura
 A Volkswagen Caminhões e Ônibus segue firme em sua estratégia de internacionalização. Desta vez, o novo destino de seus produtos está em uma localização estratégica no México. Em parceria com a fabricante, a concessionária Camiones La Huerta abre as portas de mais um ponto de atendimento aos clientes da marca VWCO e MAN no país.

A nova loja de serviços e distribuição de peças está localizada em Zamora, na principal zona econômica de Michoacán, com tradição de produção de amora e morango e também com forte atividade industrial para processar e embalar essas frutas destinadas à exportação.

As instalações estão equipadas com quatro baias para prestar serviço aos clientes e também treinamento. Além disso, o estabelecimento está abastecido com estoque de peças VWCO e MAN para atender clientes e transportadores da região.

"A concessionária Camiones La Huerta iniciou suas operações com as marcas VWCO e MAN há quatro anos, em Morelia, capital do estado de Michoacán, e desde então é um importante distribuidor de nossos produtos", reforça Fernando González Valadez, coordenador de desenvolvimento da rede da Volkswagen Caminhões e Ônibus no México.

Estratégia fortificada

A VWCO acumula 15 anos de êxitos no México e a rede consolidada de concessionárias e pontos de serviços é um dos ingredientes de sucesso dessa receita. Soma-se a isso também o portfólio completo e robusto para o transporte de cargas e de passageiros. A montadora vai seguir nessa rota de crescimento e com foco total em seus clientes para continuar a proporcionar as melhores soluções em vendas e pós-vendas.

terça-feira, 17 de março de 2020

MOTO: SUPERBIKE BRASIL CANCELA A PRIMEIRA


SuperBike Brasil adia etapa de abertura da temporada 2020

Devido ao cenário de incerteza em relação à pandemia do Covid-19, em
especial no âmbito nacional e municipal, e priorizando a saúde da vida
de todos os envolvidos, a organização do SuperBike Brasil decidiu por
bem postergar a realização da etapa de abertura da temporada 2020,
inicialmente agendada para este próximo final de semana no Autódromo de
Interlagos.

Em um primeiro momento a organização, alinhada aos poderes públicos,
apenas restringiu a presença do público e tinha a intenção de manter a
etapa com portões fechados e inúmeras restrições quanto a quantidade de
pessoas.

No entanto, com o avanço das medidas de prevenção do poder público, se
fez necessária uma nova reflexão, que resultou no adiamento do evento.

Quanto ao prosseguimento do calendário, qualquer afirmação ainda é
prematura. Mas neste momento o planejamento prevê manter as dez etapas
da temporada, apenas reposicionando a etapa adiada para o segundo
semestre.

Estaremos acompanhando o avanço do tema para nos posicionarmos em
relação à etapa agendada para o dia 26 de abril, inicialmente programada
como 2ª etapa da temporada 2020.

Lamentamos todos os impactos que esta decisão acarretará a todas as
partes envolvidas.

Torcemos para que os esforços de combate ao Covid-19 surtam os efeitos
desejados, e que a normalidade seja reestabelecida o mais breve
possível.

F:SBK 

sábado, 14 de março de 2020

FORMULA INTER SUCESSO NA BIENAL

Pilotos Matheus Nisti (Esuerda) e Cláudio Taborda (em pé) interagindo com fã
F.Inter expõe MG15 em etapa da F1 in Schools Brazil.
                                                                                 
 Público aguardando para poder entrar no cockpit do MG15 da F.Inter
De 6 a 8 de março aconteceu na Bienal do Parque do Ibirapuera a Etapa SESI da F1 in Schools Brazil – válida pela Temporada 2019/2020 - junto ao Festival SESI de Robótica.
                                                                          

Pelo segundo ano consecutivo a Fórmula Inter foi convidada pela organização do evento a expor um de seus MG15 para que os jovens competidores tivessem a oportunidade de ver de perto e em tamanho real um verdadeiro carro de corridas, um Fórmula, dotado de apêndices aerodinâmicos mais toda a engenharia e técnica envolvidas em sua concepção desde o projeto, que é totalmente nacional e assinado pela própria categoria.
                                                                             
Pilotos Matheus Nisti (Esquerda) e Cláudio Taborda (Direita) posando com fã
Os presentes ao evento, tanto competidores quanto os visitantes, puderam admirar o MG15 que ficou exposto pelos três dias no piso térreo da Bienal. No domingo a grande surpresa oferecida pela F.Inter foi a possibilidade de, mais do que ver de perto, entrar no cockpit do bólido e posar para fotos acompanhados dos pilotos Cláudio Taborda (já confirmado para a temporada 2020 da categoria) e Matheus Nisti (ainda em busca de patrocínio para poder confirmar sua presença no grid).

“Poder participar de um evento como esse e ter contato direto com o público é uma das experiências mais inspiradoras que um piloto pode ter”, afirmou Cláudio Taborda. “É extremamente gratificante esse tête-à-tête com as pessoas que se dispõem a aguardar numa fila para poder tirar uma foto com a gente e conhecer de perto o carro”, disse Matheus Nisti.

Falando em fila, essa se formou às 13h00 e a previsão inicial era de que se encerrasse às 17h00, mas devido à procura e insistência do público o período foi estendido por mais uma hora além do previsto.
                                                                      

Na competição dos pequenos bólidos inspirados nas linhas aerodinâmicas dos F1, os campeões da etapa especial SESI, englobando participantes de 33 SESIs classificados previamente de todo o país, foram os três integrantes da Escuderia Spark F1 de Santa Catarina, composta por Pedro Lage (17 anos, de Criciúma) – Team Líder, Thalyta Andrade (18 anos, de Tijucas) – Diretora de Projetos e Pesquisas e Kévin Ghisi (17 anos, de Criciúma) – Engenheiro Chefe.
                                                                    

A próxima etapa nacional da F1 in Schools Brazil na atual temporada, que será a grande final nacional envolvendo escolas públicas, particulares e SESIs, acontecerá no mês de abril, também em São Paulo, mas ainda aguarda-se a confirmação da data e local pela organização do evento.

Sobre a F1 in Schools e a F1 in Schools Brazil

Esse é o quinto ano em que o programa chancelado pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) é realizado em nosso território, tendo iniciado por aqui em 2014 e depois retomado em 2017, com sequência em 2018, 2019 e 2020, mas já existindo internacionalmente há dezessete anos com participação de 48 nações.

Para tomar parte no programa e classificar escolas para as disputas há regras rígidas de capacitação, as instituições interessadas devem se enquadrar em uma das possibilidades disponibilizadas, sendo Escola Pública, Escola Particular ou SESI, e ao serem aprovadas recebem treinamento em cinco disciplinas que devem ser assimiladas pelos gestores do programa por instituição que, capacitados, deverão aplicá-las para os integrantes dos times participantes que podem conter de três a seis alunos com idades entre 9 e 19 anos (cursando o ensino fundamental 2 e ensino médio).

As disciplinas a serem desenvolvidas são:

Gestão de Projetos;
Marketing/Comunicação;
Empreendedorismo Socioambiental;
Design e Modelagem;
Engenharia na Prática.

As seletivas são realizadas com trabalhos sérios e desenvolvimento de projetos individuais para cada equipe participante, sendo avaliadas também por disciplina, que culminam na produção de um bólido de pequenas dimensões desenvolvido e trabalhado para percorrer uma pista de 20 metros de comprimento no menor tempo possível e tendo a propulsão a partir de cápsulas de CO². Os melhores classificados conquistam vagas para as próximas etapas do programa visando à grande final nacional e à conquista da tão sonhada vaga para participar da grande final mundial, que em 2020 acontecerá em Singapura no mês de setembro (se o Covid-19 permitir...).

O Brasil iniciou no programa com apenas 4 equipes em 2017, mas em 2020 reuniu 130 times e projeta a participação de 160 times em 2021!
A melhor colocação brasileira registrada até o momento foi um 5º lugar geral na Final Mundial da Temporada 2018/2019, conquistada pelo Team Brazilian Six, tricampeões Brasileiros.

O objetivo principal do programa F1 in Schools é ajudar a mudar as percepções de jovens sobre ciência, tecnologia, engenharia e matemática, criando um ambiente de aprendizado divertido e emocionante para permitir o desenvolvimento de uma visão informada sobre as carreiras em engenharia, ciência, marketing e tecnologia através do apelo magnético da F1, a categoria de automobilismo mais difundida no planeta, realizada com os carros protótipos de competição dos mais avançados tecnologicamente.

F1 in Schools e F1 in Schools Brazil contribuem para a fomentação do esporte que tanto amamos e abre possibilidades para que novos admiradores rompam as barreiras para tomar parte no automobilismo que não só por meio da carreira de piloto.

F: Imprensa: Ronaldo Arrighi 

Fotos: Ronaldo Arrighi/F.Inter