domingo, 27 de novembro de 2022

ENDURANCE: TRIO DA STUTTGART VENCE COM PORSCHE 911

GT3 e GT4: dupla vitória da Stuttgart Motorsport nas 4 Horas de Santa Cruz do Sul


A Stuttgart Motorsport teve um dia de grandes comemorações nas 4 Horas de Santa Cruz do Sul, sexta etapa do Endurance Brasil 2022. O trio Marcel Visconde/Ricardo Mauricio/Marçal Müller levou o Porsche 911 GT3 R à vitória na classe GT3 e a dupla Jacques Quartiero/Danilo Dirani triunfou na GT4, com o Porsche 718 Cayman GT4 Clubsport recebendo a bandeirada com 188 milésimos de segundo de vantagem sobre o segundo colocado. A festa foi completada com o terceiro lugar de Luiz Landi/Tom Filho na GT4.                                                                            

Com um ritmo forte e consistente, o Porsche 911 GT3 R teve atuação de destaque em Santa Cruz do Sul. Marcel Visconde pilotou na primeira hora – exatamente a mais complicada da prova – e entregou o carro para Ricardo Mauricio. O Porsche assumiu a liderança da GT3 com uma hora e meia transcorrida e nela permaneceu até o final. Marçal Müller fez o terceiro stint e Ricardo Mauricio voltou ao cockpit para completar a corrida e receber a bandeirada com 19s777 de vantagem sobre o Mercedes de Adalberto Baptista/Cacá Bueno, segundo colocado da GT3.                                                                      

Na classe GT4, os Porsches GT3 e GT4: dupla vitória da Stuttgart Motorsport nas 4 Horas de Santa Cruz do Sul

A Stuttgart Motorsport teve um dia de grandes comemorações nas 4 Horas de Santa Cruz do Sul, sexta etapa do Endurance Brasil 2022. O trio Marcel Visconde/Ricardo Mauricio/Marçal Müller levou o Porsche 911 GT3 R à vitória na classe GT3 e a dupla Jacques Quartiero/Danilo Dirani triunfou na GT4, com o Porsche 718 Cayman GT4 Clubsport recebendo a bandeirada com 188 milésimos de segundo de vantagem sobre o segundo colocado. A festa foi completada com o terceiro lugar de Luiz Landi/Tom Filho na GT4. 

Com um ritmo forte e consistente, o Porsche 911 GT3 R teve atuação de destaque em Santa Cruz do Sul. Marcel Visconde pilotou na primeira hora – exatamente a mais complicada da prova – e entregou o carro para Ricardo Mauricio. O Porsche assumiu a liderança da GT3 com uma hora e meia transcorrida e nela permaneceu até o final. Marçal Müller fez o terceiro stint e Ricardo Mauricio voltou ao cockpit para completar a corrida e receber a bandeirada com 19s777 de vantagem sobre o Mercedes de Adalberto Baptista/Cacá  718 Cayman GT4 Clubsport da Stuttgart Motorsport se destacaram desde os treinos classificatórios, com Jacques Quartiero largando na pole position com o carro número 21. Nas primeiras voltas, a liderança foi ocupada pelo Mercedes-Benz AMG GT4 de Renan Guerra/Leandro Ferrari/Marco Pisani. O Cayman GT4 número 718 de Luiz Landi/Tom Filho começou a corrida em segundo lugar, mas envolveu-se em uma colisão com outro carro e perdeu duas voltas nos boxes para realinhar a roda traseira esquerda. Já com Dirani ao volante, o carro 21 assumiu a liderança da classe com 1h45min de corrida. As voltas finais foram especialmente emocionantes, com Quartiero, responsável pelo último stint, sendo "escoltado" por Tom e, na última volta, resistindo à perseguição do Mercedes. O carro de Landi/Tom, com duas voltas a menos, recebeu a bandeirada em terceiro lugar, bem próximo dos dois primeiros colocados.

O novo asfalto do autódromo de Santa Cruz do Sul não resistiu ao forte calor das últimas semanas na região e começou a se esfarelar ainda durante os treinos. Por consenso, a largada da corrida, prevista para meio-dia deste sábado (26/11), foi antecipada para as sete horas da manhã para que a corrida acontecesse sob temperaturas mais amenas. A prova teve várias intervenções de safety car devido a acidentes e foi necessário um período de mais de 30 minutos de bandeira amarela, já na última hora, para limpar a pista dos detritos de asfalto. Um outro acidente, este ocorrido 28 minutos após a largada entre o BMW de Leonardo Sanchez/Átila Abreu e o Mercedes-Benz de Maurizio Billi/Marco Billi/Max Wilson, levou à paralisação da corrida com bandeira vermelha para resgate dos pilotos e reparo da barreira de proteção. Ninguém se feriu.                                                                       

                                                         

Marcel Visconde: “Foi um dia especial para a história da nossa equipe: um dia totalmente da Porsche, com vitórias nas classes GT3 e GT4. Estão todos de parabéns. Por causa do asfalto, a corrida teve alguns acidentes, felizmente sem causar ferimentos em ninguém. Para nós, foi uma corrida muito boa, consistente e sem problemas. O carro tinha um ritmo muito bom aqui em Santa Cruz do Sul. Foi uma jornada muito diferente, com largada às sete da manhã, mas foi a solução encontrada para corrermos com uma temperatura mais amena.”

Ricardo Mauricio: “Vencemos a primeira do ano. Estávamos batendo na trave e hoje conseguimos. Estou muito feliz pela equipe, que fez um trabalho incrível, e conseguimos bons pontos para o campeonato!”

Marçal Müller: “Estávamos merecendo uma vitória há algumas corridas e fico feliz que desta vez tenha dado tudo certo. Coroou o excelente trabalho da Stuttgart Motorsport. Pela primeira vez neste ano, não aconteceu nada de errado para nós! Fizemos quatro stints muito bons com os três pilotos e imprimimos um ritmo muito forte. Seguimos vivos no campeonato e vamos para a última etapa focando em vitórias na rodada dupla.”                                                                         

Jacques Quartiero: “Foi uma corrida complicada, especialmente se você saía do trilho e entrava na ‘farofa’ de asfalto. Vi um acidente acontecer na minha frente por causa disso. A equipe fez uma estratégia excelente e no último stint nosso carro tinha uma boa diferença sobre o Mercedes segundo colocado. Nas últimas duas voltas, o Mercedes encostou e eu fui me defendendo. Estava tão concentrado que nem sabia que era a última volta, só soube quando vi a bandeirada! Estou muito feliz, foi legal ver a alegria da equipe toda. A sensação de vencer é muito boa. Quero mais!”

                                                                       


Danilo Dirani: “Valeu, foi animal! Fizemos a pole, mas foi uma corrida difícil, com as condições de pista mudando volta a volta pelas condições do asfalto. Era meio traiçoeiro ser rápido e ser cometer erros. O safety car conta muito no endurante. Fomos ajudados, mas prejudicados também. No final, valeram muito os stints do Jacques que mandou bem demais. Ele vem numa super evolução prova a prova, foi fera! E os meus, consecutivos, foram muito técnicos em relação à Mercedes, foi no mano a mano com o Renan Guerra! Nosso Porsche e a equipe Stuttgart Motorsport mandaram bem demais. Parabéns ao Jacques pela primeira vitória no automobilismo! Estou feliz por ele.”                                                                    


Luiz Landi: “Larguei em terceiro e ficamos os quatro primeiros andando juntos, muito rápidos. Estava em disputa de posição com o BMW, creio que ele perdeu a freada e a roda dianteira direita dele tocou na traseira esquerda do meu carro. Ele foi imediatamente para o box e eu completei o stint com o carro desalinhado. No pit, a equipe trabalhou muito bem. Depois dos cinco minutos para reabastecer e trocar pneus, a equipe precisou de mais dois minutos e 38 segundos para realinhar o carro. E ele voltou muito bom, muito rápido! Um trabalho impressionante, de tirar o chapéu. O Tom fez o último stint e ficou entre o Jacques e o Pisani até a última volta. Uma corrida emocionante.”                                                                     


Tom Filho: “O toque no primeiro stint, com o Luizito guiando, foi uma infelicidade. Aproveitamos o primeiro pit stop para realinhar o carro, que estava saindo muito de traseira. Perdemos voltas e fizemos uma prova de recuperação. Andamos no ritmo dos ponteiros o tempo todo, muito constantes. No finalzinho, havia uma disputa muito acirrada entre o Jacques e o Pisani. Fiquei umas quatro voltas entre os dois, escoltando o Jacques. Na última volta, o Pisani perdeu a freada e acabou batendo em mim. Foi uma disputa limpa. Aí deu desespero porque o carro desalinhou de novo e eu não conseguia chegar nele. Assisti de camarote a disputa entre o Jacques e o Pisani e foi emocionante ver a realização de um amigo tão de perto!”                                                               

A decisão do Endurance Brasil 2022 acontecerá em Interlagos com uma rodada dupla: uma corrida de três horas de duração no dia 16 de dezembro (sexta-feira) e outra de quatro horas no dia seguinte.                                                                       


Resultado das 4 Horas de Santa Cruz do Sul

Categoria GT3

1) 55-Marcel Visconde/Ricardo Mauricio/Marçal Müller (Porsche 911 GT3 R)

2) 27-Adalberto Baptista/Cacá Bueno (Mercedes-Benz AMG GT4)

3) 9-Xandinho Negrão/Pedro Gomes (Mercedes-Benz AMG GT4)

4) 8-Guilherme Figueiroa/Júlio Campos (Mercedes-Benz AMG GT4)

5) 63-Sérgio Ribas/Guilherme Ribas (Mercedes-Benz AMG GT4)


Categoria GT4

1) 21- Jacques Quartiero/Danilo Dirani (Porsche 718 Cayman GT4 Clubsport)

2) 31-Renan Guerra/Leandro Ferrari/Marco Pisani (Mercedes-Benz AMG GT4)

3) 718-Luiz Landi/Tom Filho (Porsche 718 Cayman GT4 Clubsport)

4) 64-Henry Visconde/Lucas Foresti/Vitor Foresti (BMW M2 CS)

5) 22-Cássio Homem de Mello/André Moraes Jr./Flavio Abrunhoza (Ford Mustang)


Site: stuttgartporsche.com.br

Fotos:

Rodrigo Guimarães/Ricardo Saibro

F:Imprensa/Pandini

 

sexta-feira, 25 de novembro de 2022

ENDURANCE STUTTGART SANTA CRUZ NOVO HORARIO

Novo horário - Stuttgart Motorsport disputa as Quatro Horas de Santa Cruz do Sul

Bem posicionada nos campeonatos das categorias GT3 e GT4, a Stuttgart Motorsport disputa neste sábado (26 de novembro) as Quatro Horas de Santa Cruz do Sul visando permanecer na luta pelos títulos do Endurance Brasil 2022. A sexta etapa do campeonato terá largada às 07:00 com transmissão ao vivo pelo BandSports e pelo canal do Imperio Endurance Brasil no YouTube.

   

Marcel Visconde, Ricardo Mauricio e Marçal Müller estarão ao volante do Porsche 911 GT3 R número 55. O trio está empatado em pontos na vice-liderança da classe GT3 e ocupa a quarta colocação na Força Livre, que engloba todas as categorias do campeonato. A Stuttgart Motorsport lidera a classe GT4 com o Porsche 718 Cayman GT4 Clubsport número 21 da dupla Jacques Quartiero/Danilo Dirani. A dupla Bruno Xavier/Luiz Landi, do GT4 Clubsport número 718, ocupa o quinto lugar no campeonato. Xavier não correrá em Santa Cruz do Sul devido a compromissos particulares e será substituído nesta etapa por Tom Filho, campeão do Endurance Brasil na extinta categoria GT4 Light em 2021, duas vezes campeão da Porsche Club Cup (individual e por equipes) e três vezes campeão na Porsche Cup Brasil (classes Light, Endurance e Overall).


Ricardo Mauricio acredita que o Porsche 911 GT3 R tem boas chances de conseguir um resultado positivo em Santa Cruz do Sul. "É uma pista que sempre foi muito boa para nós. Tem muitas frenagens fortes e curvas de baixa, onde o GT3 R é muito bom. A corrida anterior em Santa Cruz do Sul (terceira etapa do campeonato) não foi ideal porque tínhamos 'lastro de sucesso' e agora, por conta da nossa posição no campeonato, vamos ter um pouco menos de peso extra", diz. "Por outro lado, a pista foi recapeada e vamos andar em um asfalto novo. Ele é mais abrasivo, gera mais aderência, e a gente pode se beneficiar por ter um desgaste menor de pneus mais baixo que o dos nossos concorrentes. Vamos ficar atentos porque, na corrida da Stock, o asfalto soltou um pouco e isso pode se repetir (espero que não aconteça!). Os GTs e protótipos P1 são mais rápidos que os Stock e, dependendo do carro e da categoria, geram forças laterais de 1.200 kg ou mais ao contornar as curvas. 

                                                                            

Depois de Santa Cruz do Sul, o Endurance Brasil encerrará a temporada com uma rodada dupla no autódromo de Interlagos, em São Paulo, nos dias 16 e 17 de dezembro (sexta-feira e sábado). A primeira corrida desse fim de semana terá três horas de duração e substituirá a etapa que deveria ter acontecido em Santa Cruz do Sul no dia 5 de novembro, cancelada devido aos bloqueios nas estradas. A corrida final, no sábado, terá quatro horas de duração. Além dos três carros inscritos na corrida, a Stuttgart terá outros dois na retaguarda: o Safety Car (Porsche 911 Carrera GTS) e o Medical Car (Porsche Macan GTS).

                                                                                   

Stuttgart: 25 anos como referência Porsche no Brasil

A Stuttgart atuou entre outubro de 1997 e junho de 2015 como importadora oficial da marca Porsche no Brasil. Nesse período, a Porsche aumentou significativamente sua presença no País. Atualmente, a Stuttgart opera oito Porsche Centers em São Paulo, Campinas, Ribeirão Preto, Porto Alegre, Florianópolis, Curitiba, Rio de Janeiro e Recife. O Stuttgart Service | Body & Paint, localizado em São Paulo, é o mais moderno centro de serviços de reparo e manutenção de carros da marca, sendo o único da América Latina capacitado a fazer reparos em carrocerias de alumínio e o único do Brasil apto a fazer manutenção e reparos em baterias de alta tensão para veículos híbridos e elétricos. O histórico, a presença em seis estados e a alta qualidade de seu atendimento e de seus serviços fazem da Stuttgart ser referência em Porsche no Brasil.                                                                          


Site: stuttgartporsche.com.br

fotos:Ricardo Saibro

F:Imprensa Stuttgart  

domingo, 20 de novembro de 2022

MOTOVELOCIDADE: SUPERBIKE VENCEDORES DA NONA ETAPA

                                                                                  


Gui Brito vence pela SuperBIke PRO em disputa emocionante


SUPERBIKE PRO

O Autodromo de Goiânia recebeu neste domingo, dia 20, a 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade e a categoria SuperBike Pro esquentou ainda mais o clima da região com disputas beirando os 300km/h nas retas do circuito de 3.835m. Pedro Sampaio, da Luvizotto Race Team, largou na frente e trouxe Rafael Paschoalin, da RP113, logo no vácuo na 2ª posição. Nos primeiros instantes da bateria, Rafa tentou pressionar seu companheiro, mas não conseguiu tomar o lugar de Pedro e logo começou a cair na classificação quando o vice líder do campeonato, Ramiro Gandola, da RXP/TRH Racing, chegou para entrar na briga e deixar Rafa para trás.

Ramiro levantou os ânimos pressionando seu concorrente principal, mas sua moto começou a apresentar problemas e logo começou a perder o ritmo. Com isso, Guilherme Brito, da Dezeró Racing, veio em uma tocada alucinante e foi superando um a um até aproveitar a guarda baixa de Ramiro e assumir a vice liderança. Gui logo colocou um alvo nas costas de Pedro Sampaio e não tirou a mão até conquistar a 1ª colocação e vencer a prova de forma brilhante. 

Pedro respirou mais calmo quando viu seu concorrente direto, Ramiro, abandonar a prova de vez, garantindo assim a 2ª posição na prova e antecipando sua conquista do título para erguer a taça de campeão do SuperBike Brasil 2022. Rafa Paschoalin finalizou mais atrás na 3ª posição, seguido por Léo Tamburro, da JC Racing Team, em 4º. Julio Fortunato também fez boa prova para conquista a última posição de pódio, finalizando em 5º.

1º - Guilherme Brito #44

2º - Pedro Sampaio #28 (Campeão)

3º - Rafael Paschoalin #113

4º - Léo Tamburro #53

5º - Julio Fortunato #56

                                                                                 

André Veríssimo acelera tudo e vence na EVO 

SuperBike EVO

O domingo ferveu com as disputas de uma das principais categorias do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade neste domingo, dia 20, no Autódromo de Goiânia pela 9ª etapa da competição. As motos de 1000cc rasgaram o asfalto goianiense e André Veríssimo, da equipe HJC/PSBK, fez a alegria da galera vencendo a prova da categoria SuperBike Evo. Pela 2ª colocação veio Rafael Palmeri “Risada”, também da equipe HJC/PSBK, fazendo a dobradinha do time.

O líder do campeonato, Manow Martins, que corre pela Koube Motonil Motors, finalizou a prova com o 3º lugar. Seu concorrente direto, Raphael Santos, da JC Racing Team, acabou caindo e tornou sua vida mais difícil na briga pelo título seguindo para a última etapa da competição no próximo final de semana no Autódromo de Interlagos.

1º - André Veríssimo #9

2º - Rafael Palmeri “Risada” #8

3º - Manow Martins #89

                                                                             

Marcelo Skaf acelera e leva o primeiro lugar na Light 

SuperBike Light

O clima aqui no Autódromo de Goiânia ficou ainda mais quente com a prova da categoria SuperBike Light 1000 neste domingo, dia 20, na 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade. Dada a largada, Felipe Comerlatto, da equipe Sport Plus Racing, defendeu sua pole position e saiu na frente na volta inicial, mas foi ultrapassado logo em seguida por Victor Villaverde, da Cerciari Racing. Victor liderou algumas voltas mas recebeu o troco de Comerlatto e devolveu a liderança. Marcelo Skaf, piloto da Racer X, largou da 10ª posição do grid, mas foi ligeiro nas ultrapassagens e assumiu a vice liderança na metade da prova para pressionar seu rival pela 1ª colocação.

Uma queda na pista fez com que a prova entrasse em procedimento de safety, agrupando os pilotos novamente. A relargada foi dada na abertura do último giro na pista e Skaf não aliviou a mão e foi para o tudo-ou-nada na volta final, ultrapassando Comerlatto e garantindo a vitória na categoria. Luis Ferraz, da Tecfil Racing Team, também aproveitou a relargada e pulou da 6ª para a 3ª colocação na volta final.Wendell Vaz, da W. Vaz Racing, ficou com a 4ª posição, seguido por Victor Villaverde, que caiu para o 5º lugar e completou o pódio.

Edson Luis “Mamute”, da equipe PCM, ficou com a vitória na categoria Master. Elson Tenebra Otero, da Piso Show Auto Escola Anhangabaú, levou a categoria Sênior.

1º - Marcelo Skaf #177

2º - Felipe Comerlatto #186

3º - Luis Ferraz #13

4º - Wendell Vaz #199

5º - Victor Villaverde #42


Categoria Master

1º - Edson Luiz “Mamute” #99


Categoria Senior

1º - Elson Tenebra Otero #2


*resultados sub judice

                                                                         

Joao Carneiro vence na Copa Pro Honda CBR 650R 

COPA PRO HONDA CBR650R

Seguindo na missão de fechar sua temporada perfeita, faturando todas as SuperPoles e vitórias nas corridas, João Carneiro, da Cajuru Racing, cumpriu seu objetivo desta 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade aqui no Autódromo de Goiânia, vencendo a categoria Copa Pro Honda CBR 650R e ficando agora a um passo de fechar com chave de ouro sua temporada 2022. Carneiro largou na ponta e não olhou mais para trás, deixando a briga somente pela vice liderança.

A 2ª colocação foi preenchida de forma brilhante pela jovem de apenas 15 anos, Raquel Vaz, da W. Vaz Racing, que largou na 4ª posição e não deu mole para seus adversários, assumindo a vice liderança logo no início da prova. Alexandre Colorado, da Colorado Race Team, teve uma disputa intensa pouco mais atrás para conseguir sair com o 3º lugar na prova. Marcelo “Bode” Simões, da W2V MotorSport, ficou com a 4ª colocação. Pedro Kamikazes, da PRT, ficou com o último degrau do pódio, em 5º.

Com esse resultado, Alexandre Colorado faturou a vitória na categoria Master. Pela Light, Ayres Filho, também da Colorado race Team, ficou com o 1º lugar.

1º - João Carneiro #1

2º - Raquel Vaz #199

3º - Alexandre Colorado #27

4º - Marcelo Simões “Bode” #23

5º - Pedro Kamikaze #26


Categoria Master

1º - Alexandre Colorado #27


Categoria Light

1º - Ayres Filho #17

                                                                      


Vanderlei Pinho vence na SBK Escola

SBK Escola

Vanderlei Pinho foi novamente o nome a ser batido nesta 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade, que aconteceu no domingo, dia 20, no Autódromo de Goiânia, pela categoria SuperBike 1000 Escola. Vanderlei, que fez a melhor volta nos classificatórios de sábado, manteve a calma e largou na frente para liderar a prova de ponta a ponta e faturar o título da categoria com uma etapa de antecedência.

Anderson Costa, da equipe TamoJunto Racing Team, também andou tranquilo na 2ª posição até receber a bandeira quadriculada, e acabou levando a vitória na categoria Estreante. Alex Melo, da RXP/TRH Racing, manteve o 3º lugar do início ao fim na classificação geral. Adilson Sele12, da AST Racing ficou com a 4ª colocação, seguido por Adolfo Maciel “Uruguaio”, da RXP/TRH Racing, em 5º.

1º - Vanderlei Pinho #8 (Campeão)

2º - Anderson Costa #23

3º - Alex Melo #44

4º - Adilson Sele12 #12

5º - Adolfo Maciel “Uruguaio”


Categoria Estreante

1º - Anderson Costa #23

                                                                                  

Mauro Passarino domina a prova da SuperSport 600 em Goiânia 

SuperSport 600

Valendo o ingresso antes mesmo de terminar o dia, a categoria SuperSport 600 deu show na pista aqui do Autódromo de Goiânia neste domingo, dia 20, para as disputas da 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade. Mauro Passarino, da W2V MotorSport, tinha a vantagem largando na frente após fazer a pole position no sábado, mas Theo Manna, piloto da PRT, largou muito bem e ao final da primeira volta já era líder da prova. Manna, que vem demonstrando grande evolução no campeonato, liderou por quase toda a prova até a briga esquentar nas voltas finais.

O líder do campeonato, Felipe Gonçalves, da HJC/PSBK, pressionou os ponteiros durante toda a prova, assumindo a liderança faltando poucas voltas para o final. Theo colocou por dentro para tomar o lugar de Felipe, mas ambos foram surpreendidos por uma ultrapassagem incrível de Mauro Passarinho por fora, superando seus dois adversários para assumir a ponta e manter a colocação até a bandeira quadriculada. Felipe e Theo disputaram a 2ª posição até a reta final, mas quem levou a melhor foi o líder do campeonato. Theo ficou com 3º.

Mais atrás, Eduardo Burr, também da equipe PRT, fez uma prova constante na 4ª colocação até o fim. Felipe Macan, da Tecfil Racing Team, completou o pódio em 5º. Pela categoria Pro Evo, Franco Pandolfino, da Luvizotto Race Team, ficou com a vitória. Ronaldo “Tutti” Ranieri, da DS Performance, faturou a 1ª colocação nas categorias Evolution e Extreme. Marco Theodoro completou a festa da equipe DS Performance vencendo a categoria Estreante.

1º - Mauro Passarino #55

2º - Felipe Gonçalves #300

3º - Theo Manna #27

4º - Eduardo Burr #88

5º - Felipe Macan #54


Categoria Pro Evo

1º - Franco Pandolfino #117


Categoria Evolution

1º - Ronaldo “Tutti” Ranieri #105


Categoria Extreme

1º - Ronaldo “Tutti” Ranieri #105


Categoria Estreante

1º - Marco Theodoro #113

                                                                 

Iolanio Maciel vence na 400 Escola 

SuperSport 400 Escola

A categoria SuperSport 400 Escola contou com uma grande vitória do piloto Iolanio Maciel, da Team.Racing22, que liderou de ponta a ponta para receber a bandeirada com folga e subir no lugar mais alto do pódio.

Paulinho PJ, da equipe Garage 74/PSBK, também assegurou a 2ª posição do início ao fim. Jonathas Galvão, da Tecfil Racing Team, ficou com o 3º lugar na geral, seguido por Ramon Torres, da Chaco Vivo, em 4º, e Cris Hernandes, da equipe Colorado, na 5ª colocação. Ramon foi o melhor colocado entre as motos de 300cc, e Cris venceu na categoria Girl Cup.

1º - Iolanio Maciel #10

2º - Paulinho PJ #17

3º - Jonathas Galvão #71

4º - Ramon Torres #46

5º - Cris Hernandes #5


Categoria 300cc

1º - Ramon Torres #46


Categoria Girl Cup

1ª - Cris Hernandes #5

                                                                              

Gustavo Manso vence em Goiânia, na Supersport 400 

SuperSport 400

O domingo deste dia 20 foi de muita adrenalina e emoção no Autódromo de Goiânia com as motos acelerando para a disputa da 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade, a penúltima etapa da temporada. Na largada, Gabrielly Lewis, da Tecfil Racing Team, saiu na frente e puxou a fila do pelotão dando um show de pilotagem. Gustavo Manso, da Dezeró Racing, veio logo atrás colocando pressão na sua adversária para assumir a liderança logo na volta inicial. Gaby acompanhou Manso durante a primeira metade da prova, mas infelizmente teve um problema mecânico e teve que abandonar a disputa.

Lincoln Melo, correndo pela W2V MotorSport, brigando pelo título da categoria, acompanhou os líderes e se beneficiou da falha mecânica de Gaby para se consolidar na 2ª colocação, posição esta que se manteve até o final da bateria, descontando valiosos pontos para seu concorrente João Arratia, da HJC/PSBK, que ficou em 3º. Fabricio Zamperetti, da PRT, fez boas ultrapassagens para finalizar na 4ª posição. Pedro Foroni, da Genesis Racing completou os cinco primeiros em 5º.

Com este resultado, Fabricio ficou com a vitória na categoria Master. João Fascinelli, da Fascinelli Racing, manteve sua boa fase na categoria R3 e venceu a categoria.

1º - Gustavo Manso #770

2º - Lincoln Melo #29

3º - João Arratia #86

4º - Fabrício Zamperetti #113

5º - Pedro Foroni #45


Categoria Master

1º - Fabrício Zamperetti #113


Categoria R3

1º - João Fascinelli #130

                                                                                            

Leo Marques campeão na Júnior Cup 2022  

Honda Junior Cup

A categoria Honda Jr cup deu início às disputas deste domingo, dia 20, aqui no Autódromo de Goiânia pela 9ª etapa do SuperBike Brasil e, como de costume, a molecada deu show na pista e deixou o público de pé durante todas as 8 voltas da corrida para assistir a briga acirrada entre os ponteiros. Enzo Ximenes fez a melhor volta nos classificatórios de sábado, mas não conseguiu segurar a liderança por muito tempo e viu o líder do campeonato, Léo Marques, assumir a liderança na volta inicial.

Léo puxou a fila por algumas voltas, mas a briga estava forte e o pelotão da frente trocou posições durante toda a prova. Vitor Hugo e Heitor Ourinho também figuraram entre os ponteiros, mas quem levou a melhor foi Léo Marques que, após uma ultrapassagem incrível na última volta vindo por fora na curva da ferradura, assumiu a liderança e carregou até a linha de chegada para receber a bandeira quadriculada e levantar a taça de campeão 2022 da categoria Honda Jr Cup, com uma etapa de antecedência.

Vitor Hugo acabou ficando com a 2ª colocação, seguido por Heitor Ourinho, em 3º, e Enzo Ximenes, em 4º. Felipe Simões garantiu o último degrau do pódio, na 5ª colocação.

1º - Leo Marques #9 (Campeão)

2º - Vitor Hugo #10

3º - Heitor Ourinho #78

4º - Enzo Ximenes #12

5º - Felipe Simões #31


Fotos: SBK 

F: Imprensa SBK  

sábado, 19 de novembro de 2022

MOTO: SUPERBIKE BRASIL PEDRO SAMPAIO LARGA DA POLE


Pedro Sampaio conquista mais uma pole na SuperBike Pro. Foto: Superbike Brasil

SuperBike PRO

Pedro Sampaio vira um temporal no Autódromo de Goiânia para levar a melhor volta na SuperPole da categoria principal, a SuperBike Pro, neste sábado, dia 19, válido pela 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade. Pedro, que corre pela equipe Luvizotto Racing Team, virou 1:24.139 nos 3.835m do percurso, apenas 0.173s mais rápido que Rafa Paschoalin, 2º mais rápido do dia. Ramiro Gondola fechou a primeira fila no grid de largada de amanhã com a 3ª posição. Léo Tamburro vai largar da 4ª colocação, com Marcelo Skaf, em 5º.

1º - Pedro Sampaio #26 - 1:24.139

2º - Rafa Paschoalin #113 - 1:24.312

3º - Ramiro Gondola #3 - 1:24.455

4º - Leo Tamburro #56 - 1:25.614

5º - Marcelo Skaf #177 - 1:26.468

                                                                    


Marcelo Skaf conquista a pole na SuperBike EVO. 

SuperBike EVO

Marcelo Skaf, da equipe Racer X, desbanca favoritos e faz a volta mais rápida da SuperPole da categoria SuperBike Evo nesta 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade aqui no Autódromo de Goiânia. André Verissimo foi o 2º mais rápido da classe, com Raphael Santos, vice líder do campeonato, ficando com o 3º melhor tempo. Rafael Palmeri “Risada” foi o 4º. Manow Martins, líder do campeonato, não completou os treinos de hoje devido a uma queda, mas deve retornar para a corrida amanhã e seguir em busca do seu título na categoria.

1º - Marcelo Skaf #177 - 1:26.468

2º - André Verissimo #9 - 1:27.464

3º - Raphael Santos #56 - 1:28.072

4º - Rafael Palmeri “Risada” #8 - 1:29.685

                                                                       


Vanderlei Pinho conquista a pole na SuperBike Escola. 

Super Pole SBK Escola

A categoria SuperBike Escola finalizou os treinos classificatórios deste sábado, dia 19, aqui no Autódromo de Goiânia, e o atual líder do campeonato, Vanderlei Pinho, da equipe Tecfil Racing Team, fez a melhor volta e vai largar na frente na corrida de amanhã, valida pela 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade. Adolfo Maciel, o Uruguaio, fez a segunda melhor volta na geral, mas foi o mais rápido entre os pilotos da categoria Escola Estreante. Alex Melo foi o 3º mais rápido, seguido por Anderson Costa, em 4º, e Felipe Pan, o vice líder, em 5º.

1º - Vanderlei Pinho #8 - 1:30.123

2º - Adolfo Maciel “Uruguaio” #212 - 1:30.886

3º - Alex Melo #44 - 1:33.408

4º - Anderson Costa #23 - 1:33.483

5º - Felipe Pan #54 - 1:33.600

                                                                          

Categoria Estreante

1º - Adolfo Maciel “Uruguaio” #212 - 1:30.886

João Carneiro, mesmo com o título na mão, conquista nova pole na Copa Pro Honda. Foto: SuperBike Brasil.

SuperPole Copa PRO Honda CBR 650R

Mantendo a sua invencibilidade e seguindo para uma temporada perfeita, Joao Carneiro, da equipe Cajuru Racing, garantiu mais uma pole position aqui no Autódromo de Goiania neste sábado, dia 19, pela 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade. Carneiro voou baixo com sua Honda CBR650R e cravou o tempo de 1:33.575, deixando Gustavo Gão na 2ª posição desta SuperPole. Raquel Vaz representou o time feminino e vai largar na primeira fila neste domingo, na 3ª colocação. Pedro Kamikaze e Mauricio Laranjeira ficaram com o 4º e 5º melhores tempos, respectivamente. Laranjeira foi o mais rápido da categoria Master, e Anderson Felipe fez o melhor tempo entre os pilotos da Light.

1º - Joao Carneiro #1 - 1:33.575

2º - Gustavo Gão #85 - 1:34.674

3º - Raquel Vaz #199 - 1:34.945

4º - Pedro Kamikaze #26 - 1:35.315

5º - Mauricio Laranjeira #29 - 1:35.699

Categoria Master

1º - Mauricio Laranjeira #29 - 1:35.699


Categoria Light

1º - Anderson Felipe #76 - 1:37.672


Mauro Passarino Pole Position na SuperSport 600. 

                                                                  


SuperPole SuperSport 600cc

Mauro Passarinho faz volta impecável e vence a SuperPole da categoria SuperSport 600 nesta 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade neste sábado, dia 19, aqui no Autódromo de Goiânia. Passarino, que corre pela equipe W2V MotorSport, cravou a melhor volta em 1:26.990 e vai largar na frente na corrida de domingo. Felipe Gonçalves, atual líder do campeonato, ficou logo atrás em 2º. Theo Manna fechou a primeira fila em 3º, com Felipe Macan, em 4º, e Pedro Valiente, em 5º. Regis Santos foi o mais rápido na categoria Pro Evo. Mauro Thomasini levou entre os pilotos da Evolution, e Ronaldo “Tutti" Ranieri fez o melhor tempo na Extreme. Marco Theodoro ficou com a melhor volta da categoria Estreante.

1º - Mauro Passarino #55 - 1:26.990

2º - Felipe Gonçalves #300 - 1:27.263

3º - Theo Manna #27 - 1:27.837

4º - Felipe Macan #54 - 1:28.385

5º - Pedro Valiente #25 - 1:28.425

Categoria Pro Evo

1º - Regis Santos #20 - 1:2.528

Categoria Evolution

1º - Mauro Thomasini #5 - 1:31.199

Categoria Extreme

1º - Ronaldo “Tutti” Ranieri #105 - 1:31.866

Categoria Estreante

1º - Marco Theodoro #113 - 1:34.706


Felipe Comerlatto larga na frente na SuperBike Light.

                                                               


SuperBike Light

Felipe Comerlatto, da equipe Sport Plus Racing, faz o melhor tempo nesta 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade e garante a poleposition para a prova de domingo aqui no Autódromo de Goiânia, com o tempo de 1:27.675. Juracy “Black” ficou logo atrás, vindo na 2ª colocação, com Luis Bertoli completando a primeira fila, em 3º. Victor Villaverde foi o 4º colocado, e Iovandes Menezes foi o 5º. Black foi o mais rápido da categoria Master, e Elson Genebra Otero ficou com a melhor volta da categoria Sênior.

1º - Felipe Comerlatto #186 - 1:27.675

2º - Juracy “Black” #560 - 1:28.006

3º - Luis Bertoli #33 - 1:28.285

4º - Victor Villaverde #42 - 1:28.543

5º - Iovandes Menezes #3 - 1:28.571

Categoria Master

1º - Juracy “Black” #560 - 1:28.006

Categoria Senior

1º - Elson Tenebra Otero #2 - 1:36.367

                                                                   


Gaby Lewis larga em P1 na SuperSport 400. 

SuperSport 400cc

A categoria SuperSport 400 finalizou os treinos classificatórios deste sábado, dia 19, aqui no Autódromo de Goiânia. Gabrielly Lewis, da Tecfil Racing Team, acelerou forte fechando a SuperPole com a 1ª colocação, e vai largar amanhã na frente na corrida válida pela 9ª etapa do campeonato SuperBike Brasil de Motovelocidade. Gabi completou a volta de 3.835m do autodromo em 1:37.600. Lincoln Melo veio logo atrás para ficar com a 2ª melhor volta, seguida por João Arratia, atual líder do campeonato,, em 3º. Fabrício Zamperetti foi o 4º mais rápido no geral, mas ficou com a melhor volta da categoria Master. Daw Pereira ficou com a 5ª posição no grid para a largada de amanhã. João Fascinelli fez a melhor volta na categoria R3.

1º - Gabrielly Lewis #17 - 1:37.600

2º - Lincoln Melo #29 - 1:38.182

3º - João Arratia #86 - 1:38.529

4º - Fabrício Zamperetti #113 - 1:38.587

5º - Daw Pereira #1 - 1:39.272


Categoria Master

1º - Fabricio Zamperetti #113 - 1:38.587

Categoria R3

1º - João Fascinelli #130 - 1:41.419

Iolanio Maciel teve o melhor tempo no classificatório da 400cc Escola. 

                                                            


SuperSport 400 - Escola

Final dos treinos classificatórios aqui no Autódromo de Interlagos neste sábado, dia 19, e Iolanio Maciel, da equipe Team.Racing22, faz a melhor volta na categoria SuperSport 400 Escola, fechando o dia com o melhor tempo de 1:41.468. Paulinho PJ ficou com a 2ª melhor volta do dia na categoria, seguido de Evandro Lima completando a primeira fila. Jonathas Galvao foi o 4º mais rápido. Ramon Torres fez o melhor tempo entre as motos de 300cc. Na categoria Girl Cup, Cris Hernandes foi a mais rápida.

1º - Iolanio Maciel #10 - 1:41.468

2º - Paulinho PJ #17 - 1:43.099

3º - Evandro Lima #79 - 1:45.516

4º - Jonathas Galvao #71 - 1:46.668

Categoria 300cc

1º - Ramon Torres #46 - 1:47.758

Categoria Girl Cup

1ª - Cris Hernandes #5 - 2:19.688

                                                                              


Enzo Ximenes conquista Pole na Honda Junior Cup. 

Honda Jr. Cup

A categoria Honda Jr Cup finalizou os treinos classificatórios deste sábado, 19, aqui no Autódromo de Goiania pela 9ª etapa do campeonato Superbike Brasil de Motovelocidade. Largando na primeira colocação, Enzo Ximenes foi o mais rápido com o tempo de 2:07.497. Léo Marques, o líder do campeonato, fez o segundo melhor tempo. Vitor Hugo, foi o terceiro mais rápido, seguido por Heitor Ourinho e Guilherme Baron

1º - Enzo Ximenes #12 - 2:07.497

2º - Leo Marques #9 - 2:07.951

3º - Vitor Hugo #10 - 2:08.738

4º - Heitor Ourinho #78 - 2:09.196

5º - Guilherme Baron #146 - 2:10.122

As corridas acontecem neste domingo a partir das 8:55 e tem transmissão AO VIVO em nosso canal no Youtube

Fotos:SuperBike Brasil 

F:Imprensa SBK

terça-feira, 15 de novembro de 2022

GARAGEM 55 MOOCA ASSISTA JOGOS DO BRASIL

                                                                           


Garagem 55 Mooca está entre as opções para assistir os jogos da Seleção Brasileira

Uma boa opção para curtir a Copa do Mundo é o Garagem 55 Mooca, o mega galpão com mais de 12.000m² de ambiente coberto com atrações para adultos e crianças, conta com programação especial em dias dos jogos do Brasil.

O público poderá acompanhar os jogos no bar ou restaurante, as reservas já estão abertas e podem ser realizadas pelo WhatsApp (11) 95041-0630, a entrada custa R$10,00, crianças até 13 anos e adultos acima de 60 anos não pagam.

O lugar é ótimo para brindar as vitórias da seleção brasileira com familiares e amigos de todas as idades. Durante todo o período as atrações da casa funcionaram, o local conta com um espaço completo de entretenimento para as crianças, os pais podem assistir o jogo tranquilo enquanto a criançada se diverte.

Entre as opções para a diversão estão 8 pistas de boliche, Jump trampolim - com 70m2, autopista de carrinho bate bate, espaço kids, pista de truckmodelismo e entretenimento com mais de 40 atrações para crianças, jovens e adultos, entre eles brinquedão com circuitos, tobogã e piscina de bolinhas, túnel elástico, fliperamas clássicos, snooker, pebolim, ping - pong e muito mais.

Há ainda exposição de carros de coleção própria com mais de 80 veículos, modelos únicos, totalmente fora do convencional e mais de 50 motos das mais variadas épocas e estilos, das clássicas às esportivas


https://garagem55mooca.com.br/